REFERÊNCIA

Entenda as preciosidades arquitetônicas de Catedral de Piracicaba

Por Nani Camargo |
| Tempo de leitura: 2 min
Will Baldine
Eugenio Nardin foi o responsável pelos entalhes nas portas da Catedral
Eugenio Nardin foi o responsável pelos entalhes nas portas da Catedral

A Catedral de Santo Antônio de Piracicaba tem o estilo neoromânico. O JP foi até o templo acompanhado de Thiago Torina, arquiteto e urbanista e presidente da Comissão de Arquitetura e Arte Sacra da Diocese. "Ela tem o estilo adotado pelo arquiteto responsável Benedito Calixto Neto, que fez várias igrejas pelo Brasil, uma das obras mais significativas dele é o Santuário de Aparecida. Suas característica: as envasaduras das paredes e portas são em arco pleno, as bossagens da construção, um estilo muito usado nas primeiras basílicas em Roma", explica. A então Paróquia Santo Antônio, que virou Catedral, completa neste mês 250 anos. Leia mais sobre a história aqui.

O arquiteto cita que o templo tem diversos elementos artísticos integrados. "Os vitrais são destaque, na parte de cima da nave central temos os 12 apóstolos representados nos vitrais e na parte de baixo temos as cenas da vida de Santo Antonio; os vitrais foram feitos pela Casa Conrado, especializada nessa área, são de muita qualidade, com execução muito bem feita, uma perfeição erudita".

EUGÊNIO NARDIN

Eugenio Nardin foi marceneiro, entalhador, restaurador, pintor, escultor e músico, o que o tornou um dos mais completos artistas piracicabanos. Entre seus trabalhos mais conhecidos estão os entalhes em madeira nas portas e no paravento da Catedral de Santo Antonio, no trono do bispo Dom Ernesto de Paula. "A parte de marcenaria, como os entalhes das portas, foi feita por Neno Nardin. São vários destaques, os bancos que ficam no presbitério foram esculpidos por ele, os entalhes à mão. A madeira usada é a Cabreúva e as portas externas da Catedral são muito resistentes, temos o brasão do primeiro bispo esculpido em cima e quadrados com motivos florais; ele também esculpiu a primeira cátedra, a cadeira do bispo".

O arquiteto também destaca o forro do templo - "uma ousadia da arquitetura e da engenharia, cheio de encaixes" - e os altares em mármore carrara, vindo da Itália, além das colunas em marmorino.

Clique para receber as principais notícias da cidade pelo WhatsApp.

Comentários

Comentários