DRAMA

Após 5 anos na Irlanda, filho de Anderson vive drama com acidente e policial investigado

Caso de joseense repercute na Europa e no Brasil e faz deputado federal cobrar medidas do Itamaraty e da Embaixada

Por Xandu Alves | 05/11/2023 | Tempo de leitura: 2 min
São José dos Campos

Reprodução / Redes Sociais

João Henrique Thomaz Ferreira
João Henrique Thomaz Ferreira

A temporada na Irlanda termina tragicamente para João Henrique Thomaz Ferreira, 23 anos, filho do prefeito de São José dos Campos, Anderson Farias (PSD).

Faça parte do canal de OVALE no WhatsApp e receba as principais notícias da região! Acesse: https://whatsapp.com/channel/0029VaDQJAL4tRs1UpjkOI1l

Ele viajou para o país europeu em 2018, com a intenção de estudar. Arranjou um trabalho como entregador para ajudar a se manter.

No sábado (28), numa rodovia de Dublin, a vida do joseense foi completamente transtornada. Segundo testemunhas, um policial dirigindo um carro descaracterizado avançou com o veículo para cima do joseense, que foi atingido principalmente na perna direita.

A lesão foi tão grave que parte da perna direita precisou ser amputada. Ele passou por duas cirurgias e segue internado, em estado grave.

O policial teria sido preso no local do acidente e a corregedoria da polícia de Dublin abriu uma investigação sobre o caso.

O drama do joseense mobilizou milhares de brasileiros em Dublin que fizeram uma manifestação cobrando justiça para João Henrique.

A primeira-dama de São José e mãe do jovem, Sheila Ferreira, viajou para Dublin no domingo (29) para acompanhar o filho. Anderson, uma filha e a avó de João Henrique foram para a Irlanda na última quarta-feira (1º).

O prefeito disse que o filho segue se recuperando, respira sem ajuda de aparelhos e conseguiu se alimentar pela primeira vez. “Deus deu uma nova vida ao meu filho. Estou profundamente agradecido pelas orações de todos”.

Nesta quarta, o deputado federal Paulo Alexandre Barbosa (PSDB-SP), presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara, cobrou autoridades sobre o atropelamento do joseense em Dublin. Ele enviou ofícios ao Itamaraty e à Embaixada da Irlanda.

“Diante da gravidade do caso, solicito a essa Embaixada que, por meio do Departamento de Relações Exteriores, ofereça todo o apoio necessário ao cidadão brasileiro”, escreveu Barbosa na carta à embaixadora Fionna Flood, embaixadora da Irlanda no Brasil.

Leia mais:

‘Deus deu uma nova vida para o meu filho’, diz Anderson diretamente da Irlanda

Receba as notícias mais relevantes de Vale Do Paraíba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.