HOMICÍDIO

Homem é morto a facadas e achado com sacolas plásticas na cabeça em Taubaté

Polícia investiga a morte de um homem atacado a facadas e encontrado com duas sacolas plásticas amarradas na cabeça; corpo foi encontrado pela PM

Por Jesse Nascimento | 11/04/2024 | Tempo de leitura: 1 min
Taubaté

Reprodução

Estrada do Barreiro, em Taubaté
Estrada do Barreiro, em Taubaté

A Polícia Civil investiga a morte de um homem atacado a facadas e encontrado com duas sacolas plásticas amarradas na cabeça. O caso foi registrado por policiais militares na manhã de terça-feira (9), na Estrada do Barreiro, em Taubaté.

Clique aqui para fazer parte da comunidade de OVALE no WhatsApp e receber notícias em primeira mão. E clique aqui para participar também do canal de OVALE no WhatsApp.

Ao chegarem ao local da ocorrência, os policiais constataram a presença de um corpo do sexo masculino, às margens da estrada, coberto por um papelão e com a cabeça amarrada por duas sacolas plásticas de supermercado. A perícia esteve no local e o corpo, sem identificação, foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal).

Ainda na terça, a filha da vítima recebeu mensagens e ligações telefônicas de um vizinho do pai, ainda no trabalho, relatando que o genitor havia sido atacado na estrada. Então, ela procurou unidades hospitalares da cidade em busca do pai, porém, sem sucesso.

Por fim, ela foi ao IML e perguntou se havia um corpo de uma pessoa encontrada na estrada do Barreiro, e a resposta foi positiva. Um atendente mostrou a ela uma foto do rosto do pai, o qual reconheceu como sendo Carlos Salvador, seu genitor.

A Polícia Civil investiga a morte e procura entender o que aconteceu na Estrada do Barreiro, na terça-feira. O caso está sendo averiguado pela Deic (Delegacia Especializada de Investigações Criminais).

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.