BARBARIDADE

O que se sabe até agora sobre caso de latrocínio: mulher de 36 anos foi morta

As polícias Militar e Civil buscam informações para tentar identificar o criminoso que assaltou um sítio e matou a moradora; marido dela foi espancado

Por Da Redação | 27/11/2023 | Tempo de leitura: 2 min

Divulgação

Camionete da família levada por assaltante foi abandonada próximo a canavial; Vanessa (destaque) foi assassinada
Camionete da família levada por assaltante foi abandonada próximo a canavial; Vanessa (destaque) foi assassinada

As polícias Militar e Civil buscam informações para tentar identificar o criminoso que assaltou um sítio e matou a moradora, uma mulher de 36 anos, em São Pedro (SP). O crime aconteceu na madrugada desta segunda (27).

Identificada como Vanessa Veronezi Francisco, ela foi assassinada quando sítio em que mora com o marido e a filha foi invadido. O esposo dela, que foi espancado durante o roubo, tem 31 anos.

Já há uma nova versão que também está sendo apurada de que não foi apenas um assaltante que participou do crime e sim, três.

A família Veronezi é muito conhecida em São Pedro e o crime chocou a cidade.

O QUE SE SABE ATÉ AGORA - De acordo com o boletim de ocorrência, durante a madrugada, Vanessa teria escutado barulho e disse que o irmão dela estava chamando. Ela teria aberto a porta e acabou rendida por um homem encapuzado e que usava luvas. O marido dela foi rendido na sequência. Segundo ele, a todo momento, o criminoso perguntava onde estava o dinheiro. Além disso, ele foi obrigado a tomar um comprimido, caso contrário a filha do casal, de 7 anos, seria morta.

O sítio onde casal mora fica na Estrada Vicinal Angelo Zagueti, no bairro São Bento, em São Pedro. Ainda de acordo com o boletim, depois de ameaçar matar a filha do casal, o criminoso obrigou o marido de Vanessa a ficar sentado ao lado do seu veículo, uma caminhonete preta, e levou a esposa dele para o interior do imóvel.

Após vasculhar toda a casa, o criminoso encontrou R$ 6 mil e, ao sair do imóvel, obrigou o homem a dirigir a caminhonete até a entrada do sítio. Na sequência, o marido de Vanessa foi obrigado a sair do veículo e foi agredido com uma pancada na cabeça, que o deixou atordoado. A mulher dele foi levada pelo criminoso.

A Polícia Militar foi chamada, fez buscas na região e encontrou a caminhonete em um canavial a cerca de um quilômetro de distância do sítio. Vanessa estava próximo do veículo, caída, com um ferimento na cabeça e já sem vida. O caso foi registrado como latrocínio e será investigado pela Polícia Civil.

A camionete teria sido abandonada pois acabou atolando na estrada.

A mulher deixa a filha, o marido, os pais Valdemir e Maria Luísa, parentes e amigos. Ela será sepultada nesta terça-feira (28), às 10h, no Cemitério Municipal de São Pedro. O velório ocorre na sala 1 do Memorial Bom Jesus.

Clique para receber as principais notícias da cidade pelo WhatsApp.

Siga o Canal do JP no WhatsApp para mais conteúdo.

2 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

  • José Fernandes De Paiva Filho
    29/11/2023
    está muito estranho essa história de sequestro.a polícia vai chegar o mais rápido possível no assassino.
  • maria aparecida moreira de souza
    28/11/2023
    que tristeza jesus