LUTO NO VALE

Apaixonada pela vida e por pets, Camila sonhava se formar em 2025

Natural de Santa Branca, a universitária Camila Reis Florêncio, 21 anos, morreu na noite de quarta-feira (22) após ser atingida por um caminhão em Seropédica

Por Da redação | 25/05/2024 | Tempo de leitura: 2 min
São José dos Campos

Reprodução/ Redes Sociais

Camila Reis morreu aos 21 anos
Camila Reis morreu aos 21 anos

Nascida no Vale do Paraíba, Camila Reis Florêncio, 21 anos, tinha a vida pela frente. Jovem ainda, ela se formaria em engenharia química no primeiro semestre de 2025, como aluna da UFRRJ (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro). O futuro a esperava.

Clique aqui para fazer parte da comunidade de OVALE no WhatsApp e receber notícias em primeira mão. E clique aqui para participar também do canal de OVALE no WhatsApp.

Mas a universitária morreu após ser atingida por um caminhão enquanto pedalava no acostamento da BR-465, a antiga Estrada Rio São Paulo, na altura de Seropédica, na Baixada Fluminense. A Polícia Civil abriu um inquérito para apurar as causas do acidente.

O Corpo de Bombeiros informou que o acidente aconteceu por volta de 19h e que Camila morreu no local. O corpo da estudante foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal) de Nova Iguaçu (RJ). Em nota, a UFRRJ lamentou a morte e se solidarizou com a família da estudante. Os pais de Camila são professores e ela deixa uma irmã mais nova.

Nas redes sociais, Camila gostava de postar fotos em meio à natureza e também acompanhada da cachorra Kiara, da raça Pastor Alemão, sua fiel escudeira. Ela tinha o hábito de publicar frases de personalidades públicas e letras de música.

“Nem mesmo a força do tempo irá destruir. Somos verdade.  Nem mesmo este samba de amor pode nos resumir, quero chorar o teu choro. Quero sorrir seu sorriso. Valeu por você existir, amigo”, escreveu ela no Instagram, usando trecho de letra do grupo Fundo de Quintal.

Os amigos também usaram as redes sociais para se manifestar e homenagear Camila, que era muito querida pelos colegas de faculdade.

“Vá em paz minha morena mais linda desse mundo, obg por tudo, obg por todos os nossos momentos, vc foi incrível, sua jornada aqui na Terra foi maravilhosa, sentirei tanto a sua falta. Lembra não é um Adeus é apenas um Até logo. Te amo minha amiga, descanse em paz”, escreveu Fabrine Cáfaro.

“Que sua alma encontre luz, e toda a família encontre consolo nas memórias boas. As lembranças serão eternas e importantes na busca de forças para seguir. Sinto muito, descanse em paz”, afirmou Bárbara Prado.

“Você foi uma pessoa incrível. Sempre vou me lembrar da sua energia única e do seu jeito espontâneo de ser. Vai em paz!”, escreveu Thaynara Correia.

Receba as notícias mais relevantes de Vale Do Paraíba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.