COMBATE

Casa caiu: Após 'varredura', S. José adota nova estratégia e demole 'imóveis do tráfico'

Já foram colocados no chão seis casas que eram usadas como pontos de tráfico e uso de drogas, de acordo com a prefeitura. Meta é fazer um cerco ao crime na cidade

Por Xandu Alves | 06/12/2023 | Tempo de leitura: 2 min
São José dos Campos

Divulgação

Imóvel usado para tráfico de drogas é demolido em São José
Imóvel usado para tráfico de drogas é demolido em São José

A Prefeitura de São José dos Campos demoliu seis imóveis na cidade por estarem abandonados e sendo utilizados por criminosos para o tráfico de drogas.

Faça parte do canal de OVALE no WhatsApp e receba as principais notícias da região! Acesse: https://whatsapp.com/channel/0029VaDQJAL4tRs1UpjkOI1l

O mais recente deles foi derrubado nesta terça-feira (5): o prédio de uma padaria abandonada na Vila Maria, zona norte de São José, que vinha sendo usado como ponto de venda de drogas.

Além das demolições, o município participou de operações conjuntas para o cumprimento de mandados de prisão de suspeitos pelo crime de tráfico de drogas, bem como drogas apreendidas e acolhimento aos usuários.

Segundo a Secretaria de Proteção ao Cidadão, a medida faz parte do programa ‘São José Unida’ e prevê a atuação, de forma conjunta com as forças de segurança, na “identificação e monitoramento de imóveis vazios, sem moradores e em estado de abandono em toda a cidade, que são utilizados como ponto de consumo e comercialização de drogas”.

Na Vila Maria, a padaria abandonada tinha risco de incêndio e desabamento, segundo a prefeitura. “As condições eram insalubres e colocavam em risco a saúde e a segurança pública das pessoas e dos imóveis vizinhos à edificação”.

O local também possuía diversas ações fiscais em andamento, como multas que totalizavam mais de R$ 9.000, por conta do estado de abandono que descumpria as legislações de estética urbana de São José.

DEMOLIÇÃO

A prefeitura faz uma varredura documental e analisa a situação legal do estabelecimento antes de autorizar a derrubada.

“Uma vez identificados, estes imóveis passam por uma avaliação da sua situação fiscal e administrativa, desde a verificação de dívida ativa de impostos municipais até notificações, autuações e multas por descumprimento de legislações de estética urbana como conservação e manutenção do imóvel e contrária às regras de edificações do município”, informou a Secretaria de Proteção ao Cidadão.

Por conta do estado de abandono dos imóveis, a prefeitura também solicita um relatório técnico da Defesa Civil sobre as condições estruturais destes prédios, para avaliar os riscos às pessoas e aos demais imóveis vizinhos.

“Quando a avaliação técnica aponta que a estrutura do prédio está comprometida, a prefeitura realiza a demolição do imóvel para eliminar os riscos de desabamento e garantido à segurança do local”, disse a pasta.

O trabalho é um dos mecanismos do programa de segurança da cidade que permitiu a São José registrar os melhores indicadores criminais dos últimos 23 anos.

Receba as notícias mais relevantes de Vale Do Paraíba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

1 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • Alfredo Macedo
    06/12/2023
    Sem comunicação aos verdadeiros donos, sem notificação, sem moderação do Ministério Público... tudo isso é AUTORITARISMO ! ABSURDO TOTAL !