OSTENTAÇÃO

Acusados de agiotagem em Franca ostentavam vida de luxo com carrões e viagens pelo mundo

Las Vegas, Paris e Londres eram alguns dos destinos dos agiotas de Franca alvos da operação Maré Alta do Gaeco; organização criminosa movimentou mais de R$ 18 milhões no esquema.

26/11/2023 | Tempo de leitura: 3 min
da Redação

Rede social

Rodolfo Lomonaco e Marcela de Pádua Lima: carros de luxo
Rodolfo Lomonaco e Marcela de Pádua Lima: carros de luxo

Uma quadrilha de 10 pessoas acusadas de agiotagem foi alvo da operação Maré Alta do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), em conjunto com a Polícia Militar na manhã desta quarta-feira, 22, em Franca.

Segundo o Ministério Público, as investigações identificaram que uma quadrilha de agiotagem atuava na região de Franca, emprestando dinheiro a juros exorbitantes e fazendo o uso de violência e grave ameaça às vítimas para cobrar os valores.

Foram cumpridos dez mandados de prisão temporária e 13 de buscas e apreensão. Os 10 envolvidos cumpriram o mandado de prisão temporária, que poderá ser prorrogado pela Justiça. São eles: Marcela de Pádua Lima, Bruno Costa, Natã Leal, Jean Cardoso, Douglas Carvalho Rosa, Wesley Henrique Paulista da Silva, André Augusto Ferreira, André Oliveira Venancio, Rodolfo Lomonaco e Gustavo Migueletti.

Muitos dos envolvidos que foram presos gostavam de ostentar e mostrar a vida de luxo nas redes sociais que levavam graças ao dinheiro de agiotagem. Nas redes sociais dos acusados, era possível ver fotos de carros de luxo e viagens para pontos turísticos do Brasil e do exterior.

Gustavo Migueletti, que foi preso nesta quarta-feira, é casado com uma influencer digital conhecida em Franca e região. No perfil do Instagram, o casal exibia viagens para Cabo Frio (RJ) e Búzios (RJ).

Outro acusado, André Augusto Ferreira, compartilhava suas viagens para fora do Brasil, em Paris. André Oliveira Venâncio era gerente de banco e usava os dados de sua agência para fornecer as informações para a quadrilha. Nas redes sociais, é possível ver André em uma viagem para Las Vegas (EUA).

Rodolfo Lomonaco aparece em uma foto no seu perfil com uma BMW e uma viagem para Londres. Já Marcela de Pádua Lima gostava de ostentar em seu perfil ao lado de fotos de carros de luxo, aparecendo em uma Mercedes-Benz.

Segundo o Gaeco, durante as diligências foram localizadas centenas de notas promissórias que, contabilizadas, somam mais de R$ 1,5 milhão de dívidas. A operação também apreendeu diversos celulares, notebooks, anotações com a contabilidade dos valores emprestados a juros considerados exorbitantes, relógio de luxo, arma de fogo, um simulacro de fuzil, além de cheques e cartões de crédito em nome de laranjas e a quantia em espécie de cerca de R$ 2 mil, além de 600 dólares.

Castelo de Areia
Nesta sexta-feira, 24, uma outra operação foi deflagrada pelo Gaeco: a Castelo de Areia foi realizada pela manhã e cumpriu 7 mandados de prisão e busca e apreensão. Quatro pessoas foram presas em Franca, e três estão foragidas pela Justiça.

Um dos quatro presos nesta sexta, acusado de integrar a organização criminosa, é Evanderson Guimarães. Outros três acusados estão foragidos, entre eles o ex-policial civil Rogério Camillo Requel.  Evanderson também usava as redes sociais para mostrar seus carros de luxo.

Segundo o Ministério Público, essa quadrilha agia com mais violência ainda que o bando desmantelado na última quarta-feira – ambos os casos não possuem ligação entre si. O ex-policial seria o responsável por fazer as cobranças e intimidar os devedores.

"A diferença desta quadrilha para a da Operação Maré  Alta, é que essa organização agia com mais violência. Eles usavam um policial civil para amedrontar e ameaçar as vítimas", afirma o promotor Rafael Piola.

O ex-policial civil pediu e foi exonerado do cargo público no último mês de setembro.

Segundo o Gaeco, as quebras bancárias dos investigados mostraram uma movimentação aproximada de R$ 36 milhões nos últimos três anos.

André Oliveira Venâncio em Las Vegas
André Oliveira Venâncio em Las Vegas
Marcela de Pádua Lima com a Mercedes
Marcela de Pádua Lima com a Mercedes
Evanderson Guimarães e a BMW
Evanderson Guimarães e a BMW
Rodolfo Lomonaco em casa com piscina e BMW
Rodolfo Lomonaco em casa com piscina e BMW
André Augusto Ferreira em Paris
André Augusto Ferreira em Paris
Gustavo Migueletti em Búzios-RJ
Gustavo Migueletti em Búzios-RJ
Rodolfo Lomonaco em seu carro de luxo
Rodolfo Lomonaco em seu carro de luxo

Fale com o GCN/Sampi! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

23 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

  • JOIAS DAS ARÁBIAS
    02/12/2023
    Concordo com o Mauro. Pelas qualidades, são sim eleitores do Bolsonaro. Afinal, o Bolsonaro adorava ostentar joias, passeios de Jet Ski e churrasco com cortes de mais de 1000 reais o quilo, enquanto o povão fazia fila para comprar ossos de segunda.
  • ANISSA
    01/12/2023
    MEU DEUS, É O MARIDO DA MAJU MURARI MESMO KKKKKK
  • Rosana
    01/12/2023
    Agiotagem é pecado. O agiota se aproveita da vulnerabilidade e o desespero de quem passa um momento difícil.
  • anonimo
    28/11/2023
    Daqui algumas semanas estão agiotando novamente.
  • Mauro Filho
    28/11/2023
    Pelo estilo de vida que levam, são eleitores do Bozzo com certeza. Deus, Pátria, Família e Liberdade kkkkkkk
  • Carlos
    28/11/2023
    TUDO B....ão! se juntar todos não dá um....pegou dinheiro com tal agiota, resolva o b.o antes dele! se te ameaçar, saiba que ele mesmo não tem peito para fazer, então vá e faça! ele empresta pra muita gente, portanto o \"filho\" não terá pai! se é que me entendem! forte abraço!
  • JOIAS DAS ARÁBIAS DA SANTA MICHEQUE
    28/11/2023
    Não me lembro da polícia ter identificado o agiota que mandou executar aquela senhora, em sua própria casa, no São Joaquim. Pode investigar, pois outras mortes também devem estar relacionadas as ações desses criminosos. Quanto ao problema do endividamento, basta o cidadão não dar um passo maior do que as suas pernas. É uma questão simples de matemática financeira. Se banqueiro faz mal a saúde de seus bolsos, agiotas são piores ainda.
  • Rael
    28/11/2023
    Parabéns ao Gaeco... Quem tá defendendo agiota é porque não sabe como de fato funciona. Tenho um conhecido que infelizmente acabou pegando emprestado o dinheiro, no mes seguinte se vc não tem o valor total + juros você paga apenas o jurus mas no próximo o valor continua sendo o dinheiro mais o jurus. É um ciclo sem fim. ELES NÃO PARCELAM, não ajudam a pessoa a devolver e ainda ameaçam, esse meu conhecido sofreu inúmeras ameaças com a família. Começou a vender tudo que tinha só pra pagar jurus eles não negociam. E você paga infinitamente mais do que pegou emprestado por conta disso. Eles se mantém desse vínculo te mantendo refém do sistema. Banco nem se compara com essa bandidagem desumana. Só quem conhece ou quem já passou por isso sabe. Quem defende está por totalmente equivocado e por fora!
  • Fer
    27/11/2023
    Nossa o Marido daquela Bloguerinha Maju Murari , agora tá explicado a ostentação, kkkkk
  • Rafa
    27/11/2023
    Que povo mais fubanga e deslumbrado
  • Jraldir4
    27/11/2023
    BOTA PRA MOER e solte a turma que preciso de um dindin tbm ????
  • Anônimo
    27/11/2023
    O combinado não é caro. Porém existem momentos na vida que não temos escolha. Pegar dinheiro com juros excessivos. mesma coisa que tapar o sol com a primeira
  • Alessandro
    27/11/2023
    Será que esses bonitão achavam que enganavam alguém? Era óbvio que essa ostentação toda era de origem de crime!!! Era só questão de tempo para descobrir e desmoronar o castelinho de areia Bando de bocó!!!
  • Alex
    27/11/2023
    Comparar bancos a criminosos, coisa de ignorante mesmo.
  • Sandro
    26/11/2023
    Ninguém fica rico da noite para o dia e ee ostentam é porquê o dinheiro vinha fácil,resta saber o que mais esta turma fazia para manter todo este luxo,acho que tem mais coisa aí resumindo a casa caiu.parabens Gaeco.
  • Anônimo
    26/11/2023
    Para de ser mentiroso Lucas kkkk cheguei a dever no roxinho também 1.200, cobraram 4 mil com os juros, fiz um acordo e paguei 700,00 para quitar, não perdi nada kkk
  • Mirt0 Felipin
    26/11/2023
    Franca entra finalmente nas manchetes nacionais, graças aos caipirões deslumbrados. espero que os aspirantes a esse tipo de crime e que apoiam esse tipo de bandidagem estejam orgulhosos.
  • Alexandre
    26/11/2023
    Acho que o ministério publico tem que manter todos presos e colocar foto e nomes de todos que são investigados e presos e ver se alguns deste estão envolvidos na morte recente de uma mulher no bairro São Joaquim em Franca pois tem filhos que ficaram sem uma mãe
  • Diego
    26/11/2023
    Pega dinheiro quem quer ou eles coagiram alguem a pegar, e outra coisa os bancos cobram juros absurdos e a policia nunca foi la prender ninguem, deixe o povo viver....
  • Anônimo
    26/11/2023
    A diferença é que os bancos não emprestam, teoricamente, mais do q vc é capaz de pagar e não te cobram com uma arma em punho, ameaçando e matando sua família.
  • Rafael
    26/11/2023
    Os bancos não irão te matar e/ou ameaçar sua família, não são os juros a questão e sim os métodos
  • Anônimo
    26/11/2023
    Só é crime pq o governo não consegue cobrar imposto. Se tem demanda, é pq alguém consome. E solta os presos seu juíz que eu preciso de um dinheiro????
  • Lucas
    26/11/2023
    Os bancos fazem a mesma coisa, porém são legalizados, tenho uma dívida de 345 reais em cartão roxinho, em um ano está em 80 mil. Que juros são esses.