POR 30 ANOS

Prefeitura de Franca abre licitação para coleta do lixo no valor de R$ 3 bilhões

O valor da licitação é quase três vezes maior que o orçamento do município para 2023, que está previsto em R$ 1,3 bilhão.

Por N. Fradique | 20/10/2023 | Tempo de leitura: 2 min
da Redação

Arquivo/GCN

Prefeitura prevê uma PPP bilionária para coleta de lixo e limpeza da cidade
Prefeitura prevê uma PPP bilionária para coleta de lixo e limpeza da cidade

A Prefeitura de Franca lançou nesta sexta-feira, 20, a maior licitação da história do município. Trata-se de um contrato de mais de R$ 3 bilhões para uma PPP (Parceria Público-Privada) por um prazo de 30 anos para serviços de limpeza e coleta de lixo na cidade.

O valor da licitação é quase três vezes maior que o orçamento do município para 2023, que está previsto em R$ 1,3 bilhão.

O processo licitatório, aberto através da Secretaria do Meio Ambiente, prevê o serviço de gestão de resíduos, com coleta domiciliar/seletiva, operação de Ecopontos, conversação e manutenção de áreas verdes, limpeza de feiras livres, atendimento ao municípe, programação de educação ambiental e outros serviços correlatos.

A modalidade de licitação escolhida é PPP (Parceria Público-Privada), ao valor de R$ 3.026.709.251, por um prazo de concessão de 30 anos. Segundo o Edital publicado no Diário Oficial do Município desta sexta-feira, 20, as propostas serão recebidas até o dia 27 de dezembro.

Os envelopes contendo as propostas e demais documentos necessários à Concorrência Pública serão recebidos na sede da B3 S.A – Brasil, Bolsa, Balcão -, em São Paulo, das 9h às 12h do dia 20 de dezembro. A sessão pública de abertura das propostas será no dia 27 de dezembro, às 10h.

O projeto que altera o sistema do serviço em Franca foi aprovado pela Câmara Municipal de Franca recentemente, prevendo concessão administrativa para a prestação do serviço público de manejo de resíduos sólidos urbanos e de atividades que integram o serviço público de limpeza no município. A proposta contempla a construção de uma usina e serviço de compostagem, capaz de reciclar cerca de 80% do lixo.

Emergencial
O serviço de coleta do lixo e limpeza da cidade está sendo realizado de forma emergencial pela Seleta Meio Ambiente, que opera na cidade desde 2016. Esse último contrato expira no final deste ano. Com isso, a Prefeitura planeja iniciar os serviços na modalidade PPP já em 2024.

Fale com o GCN/Sampi! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

4 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

  • juarez
    20/10/2023
    Baita licitação na boca da eleição. Muita grana e muitos interesses.
  • José Roberto
    20/10/2023
    Esse lixo está valendo ouro?! Quem será que vai ganhar a licitação eim?!?!?! A Seleta de novo??? Pq ônibus é só a São José sem ar condicionado quase 10 reais a tarifa
  • Dirceu
    20/10/2023
    Com certeza, algum \"amigo\" dos políticos vai ganhar os bilhões e prestar um servicinho vagabundo igual ao q está sendo prestado agora. Essas licitações de cartas marcadas é uma vergonha... O que pagar a maior comissão vai ganhar, como sempre.
  • Leandro Souza Teles
    20/10/2023
    Sim, vc leu certo, são 3 BILHÕES ! !, com B de Bola, com essa frana dá pra comprar quantos caminhões de lixo??, da pra pagar quantos servidores para o serviço?, acho quexse exibirem a planilha de custo desses 3 BILHÕES a verdade vai pro saco, o saco para o buraco e o dinheiro público toma outros destinos. ...3 BILHÕES não pode, não tem explicação, isso é mais do que os francanos consomem por ano ! !., não dá pra comprar tantas coisas que depois vão para o lixo, esses números estão errados. Um BILHÃO são mil MILHÕES ! !, façam essas contas outra vez, isso está errado.
    • GCN
      21/10/2023
      Nota da Redação: a licitação, de R$ 3 bilhões, não é para o prazo de um ano. Serão décadas.