Um portal afiliado à rede

Um portal afiliado à rede

07 de dezembro de 2022

RECEITA

RECEITA

Camarão à provençal

Camarão à provençal

Camarões vão compor sempre pratos festivos, sejam preparados para um jantar a dois, seja para uma família grande.

Camarões vão compor sempre pratos festivos, sejam preparados para um jantar a dois, seja para uma família grande.

Por Sonia Machiavelli | 19/03/2022 | Tempo de leitura: 2 min
especial para o GCN

Por Sonia Machiavelli
especial para o GCN

19/03/2022 - Tempo de leitura: 2 min

Ingredientes

  • 20 camarões grandes limpos
  • Sal a gosto
  • Pimenta-do-reino a gosto
  • ½ limão Tahiti
  • 100 gramas de manteiga
  • 50 ml de azeite
  • 6 dentes de alho picados milimetricamente
  • 1 colher (sopa) de tomilho fresco
  • 1 ramo pequeno de alecrim fresco
  • 2 colheres de sopa de salsinha crespa picada
  • 2 colheres de sopa de ciboulette picada

Camarões vão compor sempre pratos festivos, sejam preparados para um jantar a dois, seja para uma família grande. Como seu preço é alto, o preparo deve ser cuidadoso. A regra de ouro é respeitar o tempo de cozimento: nunca mais de três minutos de cada lado se forem grandes, dois se médios, um se miúdos. Mais do que isso perdem seus sucos, ficam borrachudos.

A melhor maneira de saboreá-los em todo seu rico sabor é prepará-los à moda provençal. Remetendo à região do sul da França, esse termo diz respeito aos pratos caracterizados pelo uso de azeite de oliva e alho. Além desses dois ingredientes, o que for  “à moda provençal” também pode conter vegetais como cebolas, berinjelas e tomates. Tudo muito fresco, colhido quase na hora do preparo, para ser acompanhado  pelos vinhos daquela região da França, marcada por culinária reconhecida em todo mundo por sua excelência.

As ervas da Provence são várias, mas as mais usadas são o o alecrim, o tomilho, a salsa crespa e a ciboulette - aquela cebolinha de folhas achatadas e bem finas. O alho é imprescindível. Azeite de boa qualidade, idem. Manteiga, idem ibidem.

Se comprar camarões inteiros, com cascas, limpe-os bem, sob água corrente, deixando a cauda. Tempere-os com sal, pimenta-do-reino e suco de limão. Deixe marinar por quinze minutos. Coloque uma frigideira grande sobre a chama. Quando ela estiver quente, junte a manteiga e o azeite. Ao derreterem, acrescente os camarões temperados e deixe dourar no fogo médio por três minutos de cada lado. Enquanto os camarões fritam, adicione os dentes de alho picados finamente, as folhinhas de tomilho e o raminho de alecrim - essas ervas só funcionam em preparos quentes.  Misture e deixe mais um minuto no fogo. Desligue, retire o ramo de alecrim. Polvilhe salsinha e ciboulette picadas.  Sirva em seguida, com arroz branco e um vinho branco bem gelado, que esse camarão merece!

Ingredientes

  • 20 camarões grandes limpos
  • Sal a gosto
  • Pimenta-do-reino a gosto
  • ½ limão Tahiti
  • 100 gramas de manteiga
  • 50 ml de azeite
  • 6 dentes de alho picados milimetricamente
  • 1 colher (sopa) de tomilho fresco
  • 1 ramo pequeno de alecrim fresco
  • 2 colheres de sopa de salsinha crespa picada
  • 2 colheres de sopa de ciboulette picada

Camarões vão compor sempre pratos festivos, sejam preparados para um jantar a dois, seja para uma família grande. Como seu preço é alto, o preparo deve ser cuidadoso. A regra de ouro é respeitar o tempo de cozimento: nunca mais de três minutos de cada lado se forem grandes, dois se médios, um se miúdos. Mais do que isso perdem seus sucos, ficam borrachudos.

A melhor maneira de saboreá-los em todo seu rico sabor é prepará-los à moda provençal. Remetendo à região do sul da França, esse termo diz respeito aos pratos caracterizados pelo uso de azeite de oliva e alho. Além desses dois ingredientes, o que for  “à moda provençal” também pode conter vegetais como cebolas, berinjelas e tomates. Tudo muito fresco, colhido quase na hora do preparo, para ser acompanhado  pelos vinhos daquela região da França, marcada por culinária reconhecida em todo mundo por sua excelência.

As ervas da Provence são várias, mas as mais usadas são o o alecrim, o tomilho, a salsa crespa e a ciboulette - aquela cebolinha de folhas achatadas e bem finas. O alho é imprescindível. Azeite de boa qualidade, idem. Manteiga, idem ibidem.

Se comprar camarões inteiros, com cascas, limpe-os bem, sob água corrente, deixando a cauda. Tempere-os com sal, pimenta-do-reino e suco de limão. Deixe marinar por quinze minutos. Coloque uma frigideira grande sobre a chama. Quando ela estiver quente, junte a manteiga e o azeite. Ao derreterem, acrescente os camarões temperados e deixe dourar no fogo médio por três minutos de cada lado. Enquanto os camarões fritam, adicione os dentes de alho picados finamente, as folhinhas de tomilho e o raminho de alecrim - essas ervas só funcionam em preparos quentes.  Misture e deixe mais um minuto no fogo. Desligue, retire o ramo de alecrim. Polvilhe salsinha e ciboulette picadas.  Sirva em seguida, com arroz branco e um vinho branco bem gelado, que esse camarão merece!

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.