‘Não desistimos de construir o CDP em Franca’, diz Nagashi

O secretário Nagashi Furukawa disse ao Comércio que o CDP de Franca é obra prioritária. Confira trechos da entrevista.

20/04/2006 | Tempo de leitura: 2 min

Nagashi Furukawa disse que falta licença ambiental para iniciar a obra
Nagashi Furukawa disse que falta licença ambiental para iniciar a obra
O secretário Nagashi Furukawa disse ao Comércio que o CDP de Franca é obra prioritária. Confira trechos da entrevista. Comércio da Franca - A informação de que o CDP não será mais construído é verdadeira? Nagashi Furukawa - Não, não. O pessoal da nossa assessoria de imprensa não estava bem a par do que está acontecendo e passou uma informação que não é totalmente correta. Primeiro, o CDP previsto para ser construído em Franca terá 768 vagas e não quatrocentas e poucas como divulgado. Consideramos essa obra prioridade de nossa Secretaria para este ano. Comércio - Qual é o empecilho? Furukawa - Acontece que o serviço não pôde ser iniciado porque nossa Secretaria do Meio Ambiente não forneceu, ainda, a licença para iniciar a obra. Para que isso aconteça, a lei municipal terá que ser alterada, pois o imóvel está afetado para uma finalidade específica. Comércio - Como resolver o problema? Furukawa - Eu falei com o prefeito (Sidnei Rocha) hoje (ontem) pela manhã. Ele está encaminhando à Câmara Municipal um projeto de lei com a finalidade de desafetar o imóvel. O primeiro passo que precisa ser vencido é a aprovação por parte da Câmara. A doação já foi aprovada, agora, é preciso a desafetação do terreno. Comércio - E a questão do orçamento, como fica? Furukawa - Esse também é um pequeno problema. Uma coisa que eu não previa eram as rebeliões ocorridas durante o ano. Para consertamos os estragos causados, tivemos que consumir parte do nosso orçamento. Já despachei com o governador Cláudio Lembo e pedi o remanejamento de recursos para podermos iniciar a obra ainda neste ano. Comércio - É possível que o CDP saia ainda neste ano? Furukawa - Acredito que sim, mas não tenho como falar em datas. Primeiro, a lei municipal precisa ser aprovada. Depois, farei um esforço para conseguir o remanejamento de recursos. Enfrentamos esses dois problemas, mas não desistimos de construir o CDP.

Fale com o GCN/Sampi! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.