ESTELIONATO

Mulher perde mais de R$ 1 mil ao cair em golpe na porta de casa em Franca

Vítima viu uma publicação no Facebook e acabou atraindo o golpista para sua casa. Veja como agiu o estelionatário e proteja-se.

Por Igor Araújo | 01/12/2023 | Tempo de leitura: 1 min
da Redação

Arquivo/GCN

Caso foi registrado na CPJ de Franca
Caso foi registrado na CPJ de Franca

Uma mulher de 60 anos caiu em um golpe no bairro Jardim Pinheiros, zona Norte de Franca, no final da tarde dessa quinta-feira, 30.

Segundo o boletim de ocorrência, a vítima viu uma publicação no Facebook, anunciando a venda de latas de tinta. Ela, então, combinou com o golpista a compra de uma lata de 18 litros. O produto seria entregue em sua casa e pago com cartão de crédito.

O bandido foi até a residência da vítima com uma máquina de cartão e, ao tentar passar, alegou que o equipamento não estava funcionando. Disse que iria pegar outra. A vítima concordou e deixou o golpista ir embora com o produto.

Como o falso vendedor não voltou e desconfiada de que o cartão havia passado, a vítima consultou seu saldo e verificou que havia sido feito um pagamento no valor de R$ 1,1 mil em nome de uma mulher. Ela, então, ligou para a operadora do cartão para contestar a compra e informar que havia caído em um golpe.

Um boletim de ocorrência  de estelionato foi registrado na CPJ (Central de Polícia Judiciária) de Franca.

Quer receber as notícias mais relevantes de Bauru e região direto no seu WhatsApp? Faça parte da comunidade JCNET/Sampi e fique sabendo de tudo em tempo real. É totalmente gratuito! Abra o QR Code.

Participe da Comunidade

Quer receber as notícias mais relevantes de Bauru e região direto no seu WhatsApp? Faça parte da comunidade JCNET/Sampi e fique sabendo de tudo em tempo real. É totalmente gratuito!

Participe da Comunidade

1 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.

  • Enibenedito
    01/12/2023
    Tem que dar tb o nome do estelionatario, para que outras pessoas não façam a mesma coisa.