POLÍCIA

Condenado a 16 anos por estupro de criança é preso em Bauru

Por Bruno Freitas | da Redação
| Tempo de leitura: 1 min
Bruno Freitas
Plantão Policial nesta quarta-feira (12)
Plantão Policial nesta quarta-feira (12)

A Polícia Militar (PM) de Bauru prendeu, nesta quarta-feira (12), um homem de 42 anos que era procurado pela Justiça há dois meses, após ter sido condenado a 16 anos de reclusão pelo crime de estupro de vulnerável. Ele era padrasto da vítima, na época com 8 anos.

De acordo com a delegada Priscila Bianchini Alferes, da Delegacia Seccional de Bauru e que presidiu o inquérito policial, o crime foi registrado em 2017 e está em segredo de justiça. A reportagem preservou o nome do capturado em respeito ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), de modo que a garota não seja identificada e, consequentemente, exposta.

A PRISÃO

O homem foi preso no Jardim Ivone, por onde o cabo Andril e soldado Caparroz, da Base Sudeste da 4.ª Companhia, estavam em patrulhamento, por volta de 1h50. Segundo o registro policial, eles perceberam que o indivíduo tentou deixar o local apressado ao avistar a viatura.

Foi, então, abordado na quadra 4 da rua Alfredo Gonçalves d'Abril. Em pesquisa no sistema da Secretaria de Segurança Pública (SSP), constava o mandado de prisão expedido no dia 8 de abril deste ano. O homem foi encaminhado ao Plantão Policial e depois direcionado a uma unidade prisional.

Comentários

Comentários