AVIAÇÃO

Por talentos, Embraer reforça programas de retenção de empregados

Após perder cerca de 120 engenheiros para a Boeing, a Embraer anunciou que vem reforçando os programas de retenção de talentos na companhia

Por Xandu Alves | 3 dias atrás | Tempo de leitura: 1 min
São José dos Campos

Divulgação / Embraer

Funcionário na linha de produção da Embraer em São José
Funcionário na linha de produção da Embraer em São José

A Embraer reforçou os programas de retenção de talentos na companhia como parte da estratégia de manter as equipes de engenharia e funcionários em todos os setores, especialmente os estratégicos.

Clique aqui para fazer parte da comunidade de OVALE no WhatsApp e receber notícias em primeira mão. E clique aqui para participar também do canal de OVALE no WhatsApp.

Nos últimos dois anos, a empresa teria perdido mais de 120 engenheiros para a Boeing, em ofensiva de contratações de talentos brasileiros. A Embraer emprega aproximadamente cerca de 3.000 engenheiros, engajados em diversos projetos.

A ofensiva da empresa norte-americana levou as entidades Aiab (Associação das Indústrias Aeroespaciais do Brasil) e Abimde (Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança) a ingressar com uma ação civil pública, em novembro de 2022, acusando a Boeing de cooptar engenheiros brasileiros. A ação contou com apoio da Embraer.

Durante apresentação dos resultados financeiros nesta terça-feira (7), por audioconferência, Francisco Gomes Neto disse, CEO e presidente da Embraer, disse que a empresa tem “trabalhado bastante” na área de retenção de talentos.

“Temos trabalhado bastante nessa área e a retenção é um dos principais focos da Embraer, em todas as áreas”, disse ele.

“Temos diversos novos programas para engenheiros e melhoramos nosso processo de comunicação. Temos feito muitas coisas que vão auxiliar a reter nossos talentos na empresa, em todos os setores.”

Segundo a empresa, há programas que vão ajudar na retenção de “engenheiros e todos os funcionários” na companhia. Não foram dados detalhes desses programas, que são parte da estratégia da Embraer em evitar a saída de talentos para empresas concorrentes.

Receba as notícias mais relevantes de Vale Do Paraíba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

1 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

  • Octavio Augusto Ferraz de Camargo Coelho
    3 dias atrás
    Só pagar um salário melhor e dar condições dignas e adequadas ao empregado que ele não muda de emprego. Se mudou é porque a oferta foi melhor. Ou é trouxa? Simples assim.