RECLAMAÇÃO

Faixas de pedestre perto de escola precisam de reforço

Reclamação partiu de responsáveis por alunos de unidade situada no Alto Higienópolis

Por Mateus Ferreira | 11/04/2024 | Tempo de leitura: 1 min
da Redação
Estágio sob Supervisão

Mateus Ferreira

Na entrada principal da escola pela rua Xingu a faixa está quase completamente apagada
Na entrada principal da escola pela rua Xingu a faixa está quase completamente apagada

Pais de alunos da Escola Estadual Professora Mercedes Paz Bueno, no Alto Higienópolis, em Bauru, reivindicam mais faixas de pedestres próximo à unidade de ensino, além da manutenção das já existentes. Responsável pela pintura de solo, a Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano e Rural de Bauru (Emdurb) informa que incluiu o pedido em seu calendário.

"No horário de entrada e saída, vira um rolo. É carro subindo e descendo. Até briga eu já vi. Só tem uma faixa aqui na frente da escola e tem gente que não respeita". A informação é de um casal de idoso, que leva e busca netos no Mercedes.

Por conta das queixas que chegaram à redação do JC, a reportagem esteve no local e constatou que, na rua Xingu, onde fica a fachada da unidade, a faixa de pedestres está quase completamente apagada, apenas com algumas listras visíveis, entre as quadras 6 e 7. Também precisam de manutenção, as situadas na quadra 11 da rua Capitão João Antônio. Uma delas fica no cruzamento com a rua Xingu. A outra, em um segundo portão da escola.

Já entre as ruas João Antônio e Antônio dos Reis, na quadra 7, parte de trás do colégio, não existe qualquer sinalização de solo para pedestres. Outro leitor que também procurou o jornal, diz que a falta de manutenção desse tipo de sinalização é um problema não só nesta região, mas na cidade toda. "No geral é isso, falta em locais de grande movimento. O pedestre que se vire".

Mas segundo a Emdurb, por meio de nota enviada pela assessoria de imprensa, não houve pedido de repintura da faixa de pedestres no local citado.

Cruzamento entre a rua Antônio dos Reis e a Capitão João Antônio, não existe qualquer sinalização de solo para pedestres (Foto: Mateus Ferreira/JC)
Cruzamento entre a rua Antônio dos Reis e a Capitão João Antônio, não existe qualquer sinalização de solo para pedestres (Foto: Mateus Ferreira/JC)
Cruzamento entre a rua Xingu e a Capitão João Antônio, faixas estão quase completamente apagadas (Foto: Mateus Ferreira/JC)
Cruzamento entre a rua Xingu e a Capitão João Antônio, faixas estão quase completamente apagadas (Foto: Mateus Ferreira/JC)

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.