EPIDEMIA NO VALE

RMVale chega a 169 mortes por dengue e 114 óbitos suspeitos

RMVale acumula 137,7 mil casos confirmados e 31,8 mil ainda em investigação; Jacareí, São José, Taubaté e Pinda têm 88% das mortes por dengue da região

Por Da redação | 3 dias atrás | Tempo de leitura: 1 min
São José dos Campos

Combate à dengue em Jacareí
Combate à dengue em Jacareí

O Vale do Paraíba alcançou a marca de 169 mortes por dengue neste ano, com Jacareí chegando a 55 óbitos – 32,5% do total da região e liderança entre as cidades do Vale, região com mais mortes por dengue no estado de São Paulo.

Clique aqui para fazer parte da comunidade de OVALE no WhatsApp e receber notícias em primeira mão. E clique aqui para participar também do canal de OVALE no WhatsApp.

O estado chegou a 725 mortes por dengue em 2024, com 1,08 milhão de casos confirmados da doença e 873 óbitos em investigação.

O Vale registra 137,7 mil casos confirmados de dengue e mais de 31,8 mil em investigação, que estão aguardando exames para confirmar a infecção pela doença. Há também 114 mortes suspeitas.

Segundo o painel estadual da dengue, da Secretaria Estadual de Saúde, Jacareí é líder entre as cidades da região com o maior número de mortes por dengue, com 55 óbitos e mais 36 em investigação.

São José dos Campos tem 53 mortes e 46 em investigação, Taubaté tem 28 óbitos e 13 suspeitos e Pindamonhangaba permaneceu com 13 mortes e duas aguardando exame. As quatro cidades somam 149 mortes e detêm 88,2% dos óbitos da região.

Outras cidades com mortes por dengue são Caçapava (5), Ubatuba (3), Lorena (2), Cachoeira Paulista (2) e São Luiz do Paraitinga (2). Há também seis cidades com uma morte cada: Tremembé, Guaratinguetá, Roseira, Santa Branca, Caraguatatuba e São Sebastião.

Com relação à quantidade de casos, São José é o município com mais pessoas infectadas na região, com 52,1 mil, depois Jacareí (27,2 mil), Pindamonhangaba (13,4 mil) e Taubaté (8.738).

Receba as notícias mais relevantes de Vale Do Paraíba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.