Um portal afiliado à rede

Um portal afiliado à rede

07 de dezembro de 2022

DESPEDIDA

DESPEDIDA

Pharoah Sanders, saxofonista e lenda do jazz, morre aos 81 anos

Pharoah Sanders, saxofonista e lenda do jazz, morre aos 81 anos

O importante músico Pharaoh Sanders, lenda do jazz americano, morreu neste sábado, 24, em Los Angeles, nos EUA.

O importante músico Pharaoh Sanders, lenda do jazz americano, morreu neste sábado, 24, em Los Angeles, nos EUA.

24/09/2022 | Tempo de leitura: 1 min
da Folhapress

da Folhapress

24/09/2022 - Tempo de leitura: 1 min

Wikipédia

Pharaoh Sanders: morte confirmada pela gravadora Luaka Bop no Twitter

O importante saxofonista Pharaoh Sanders, lenda do jazz americano, morreu neste sábado, 24, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Ele tinha 81 anos.

A notícia foi confirmada pela gravadora de Sanders, a Luaka Bop, no Twitter. No comunicado, o selo lamenta a morte do músico, deseja que ele "descanse em paz" e diz que Sanders "morreu em paz cercado por familiares e amigos queridos".

Farrell Sanders nasceu em 1940, no Arkansas, sul dos Estados Unidos, mas o início de sua carreira musical se deu em Oakland, na Califórnia. O nome artístico, adotado por ele até o fim da vida, veio na década de 1960, em Nova York, quando colaborou com o músico, compositor e precursor do afrofuturismo, Sun Ra –quem lhe deu o vulgo Pharoah.

Também na década de 1960, Sanders se tornou membro da banda de John Coltrane, com quem tocou até 1967, ano da morte do saxofonista.

O importante saxofonista Pharaoh Sanders, lenda do jazz americano, morreu neste sábado, 24, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Ele tinha 81 anos.

A notícia foi confirmada pela gravadora de Sanders, a Luaka Bop, no Twitter. No comunicado, o selo lamenta a morte do músico, deseja que ele "descanse em paz" e diz que Sanders "morreu em paz cercado por familiares e amigos queridos".

Farrell Sanders nasceu em 1940, no Arkansas, sul dos Estados Unidos, mas o início de sua carreira musical se deu em Oakland, na Califórnia. O nome artístico, adotado por ele até o fim da vida, veio na década de 1960, em Nova York, quando colaborou com o músico, compositor e precursor do afrofuturismo, Sun Ra –quem lhe deu o vulgo Pharoah.

Também na década de 1960, Sanders se tornou membro da banda de John Coltrane, com quem tocou até 1967, ano da morte do saxofonista.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.