PROTESTO

Pais cobram segurança e pedem mudanças em escola de S. José após prisão por abuso sexual

Uma lista de reinvindicações foi feita e deve ser apresentada à direção da escola e Secretaria de Educação

Por Leandro Vaz | 12/04/2024 | Tempo de leitura: 1 min
São José dos Campos
Da redaçãpo

Leandro Vaz

Mães e pais e organizaram protesto na frente da escola
Mães e pais e organizaram protesto na frente da escola

Um grupo de pais e mães de alunos da Escola Municipal Maria de Melo, no Parque Industrial, em São José dos Campos, se reuniu na porta da unidade, na manhã desta sexta-feira (12), cobrando segurança e transparência nas investigações de importunação sexual. Um funcionário terceirizado do setor de limpeza foi preso na última segunda-feira (8) acusado de passar a mão em meninas entre 12 e 14 anos.

Clique aqui para fazer parte da comunidade de OVALE no WhatsApp e receber notícias em primeira mão. E clique aqui para participar também do canal de OVALE no WhatsApp.

Faixa e cartazes foram feitos pelas mães. Uma lista de reivindicações foi feita e deve ser apresentada à direção da escola e à Secretaria de Educação. OVALE acompanhou até por volta das 9h e o grupo ainda não havia sido atendido pela escola.

"Hoje cobramos mais segurança na escola. Foi uma gestão omissa. Cobramos a mudança dessa gestão. Eles não prestaram atendimento inicial, como foi dito. Eu só soube pela mídia o que aconteceu", disse Ciro Santos, pai de alunos na escola.

Outros pais narraram situação semelhante com a questão de insegurança dentro da escola. Segundo eles, não há câmeras internas que pudessem monitorar o movimento do homem.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.