ACIDENTE EM CAMPOS

Mãe de uma filha de 5 anos, mulher morta por bonde é identificada

Condutor do bonde chegou a buzinar, mas Sidneia não ouviu o alerta e seguiu caminhando por passagem em Campos do Jordão. Ela foi atropelada e morreu

Por Jesse Nascimento | 21/05/2024 | Tempo de leitura: 2 min
Campos do Jordão

Reprodução

Acidente trágico aconteceu na tarde desta segunda-feira
Acidente trágico aconteceu na tarde desta segunda-feira

A mulher que morreu atropelada por um bonde em Campos do Jordão foi identificada como Sidneia Aparecida Peres da Costa Manso, 33 anos. O acidente aconteceu às 16h desta segunda-feira (20), na avenida Doutor Januário Miraglia, no bairro Vila Abernéssia. Sidnei chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

Clique aqui para fazer parte da comunidade de OVALE no WhatsApp e receber notícias em primeira mão. E clique aqui para participar também do canal de OVALE no WhatsApp. 

De acordo com o condutor do bonde, que pertence à Estrada de Ferro Campos do Jordão, ele chegou a buzinar, para chamar a atenção de Sidneia, que atravessava por uma pequena passagem sobre os trilhos. Ela não ouviu o alerta e continuou caminhando. O condutor contou à polícia que acionou os dois freios do bonde, mas não conseguiu impedir o atropelamento. 

A vítima foi socorrida, inclusive com a ajuda do helicóptero Águia da Polícia Militar, mas não resistiu. Na delegacia, o marido de Sidneia contou que a esposa havia ido ao Caps, buscar medicação. Ela deixou uma filha de apenas 5 anos. O caso foi registrado na delegacia de Campos do Jordão como homicídio culposa, quando não há intenção de matar.

O condutor do bonde foi ouvido e foi liberado -- a polícia não observou condutas negligentes, imperícia ou ações imprudentes praticadas por ele.

ESTRADA DE FERRO.
A Estrada de Ferro Campos do Jordão enviou uma nota à reportagem de OVALE, sobre o acidente.

"Por volta das 16h15 de ontem (20), uma pedestre, ao atravessar a ferrovia, ficou parada sobre os trilhos e não ouviu os diversos apitos da automotriz da Estrada de Ferro Campos do Jordão (EFCJ), na Vila Abernéssia, em Campos do Jordão. O condutor do trem rapidamente acionou os dois freios do veículo ferroviário, que estava em velocidade compatível para o trecho, e realizou todos os procedimentos possíveis para a parada. Ainda assim, devido ao peso do trem, colidiu com a pedestre.  O maquinista e o agente de trem prontamente prestaram atendimento e acionaram o SAMU, que realizou o socorro e remoção da vítima. Os passageiros da automotriz não tiveram ferimentos e foram transportados de volta em ônibus da ferrovia.

A Estrada de Ferro Campos do Jordão lamenta profundamente a morte da cidadã, está colaborando com o inquérito policial e também abriu procedimento interno para averiguar os fatos", diz a nota.


 

Receba as notícias mais relevantes de Vale Do Paraíba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.