TELEVISÃO

Ex-paquita diz que Marlene Mattos fazia crianças ficarem nuas

'Agora fica todo mundo pelada que eu quero ver quem está gorda'. Eu tinha 12 anos de idade', disse ex-paquita.

20/05/2024 | Tempo de leitura: 1 min
da Folhapress

Reprodução/@catiapaganote/Instagram

Em entrevista à revista Quem, Mattos descartou a história de Paganote.
Em entrevista à revista Quem, Mattos descartou a história de Paganote.

A ex-paquita Cátia Paganote disse, durante o reality A Grande Conquista 2, do qual participa, que a diretora Marlene Mattos, hoje diretora do Geral do Povo, da RedeTV!, a fez ficar nua quando ela tinha 12 anos para que ela conferisse o peso das garotas que atuavam no Xou da Xuxa.

Leia tambémMarlene Mattos afirma que ela e Xuxa eram um casal, só que sem sexo

"Uma vez, todo mundo dormindo em casa, meia-noite, uma hora da manhã, a Marlene ligou para a casa de cada uma, mandou todo mundo ir para a casa dela. 'Reunião aqui, agora'. Uma morava em [Duque de] Caxias. E ela morava na Lagoa", disse Paganote.

"Chegando lá, ela falou, 'Agora fica todo mundo pelada que eu quero ver quem está gorda'. Eu tinha 12 anos de idade", completou.

Em entrevista à revista Quem, Mattos descartou a história de Paganote. "A única coisa que tenho a dizer é que esse momento nunca aconteceu. É irreal!", disse.

A ex-empresária de Xuxa já foi criticada várias vezes pela própria apresentadora, que afirmou durante anos que era controlada por Mattos. As duas se reencontraram ano passado para o documentário "Xuxa, o Documentário", da Globoplay, quando revisitaram brigas antigas.

Em certo momento, Xuxa perguntou a Mattos sobre sua rigidez com as paquitas. "Elas eram uma continuação de você", afirmou a diretora. "Se elas não fossem paquitas, ninguém saberia que elas existiam. Fui cruel com algumas pessoas? Fui. Me arrependo? Nem um pouquinho."

Receba as notícias mais relevantes de Vale Do Paraíba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.