PARADA

VÍDEO: Bicampeão de surfe, Filipe Toledo abandona circuito para cuidar da saúde mental

Natural de Ubatuba, ele comunicou que não disputará as etapas do mundial de surfe de 2024 para cuidar da saúde e da família

Por Da redação | 12/02/2024 | Tempo de leitura: 3 min
São José dos Campos

Divulgação

Filipe Toledo é bicampeão mundial de surfe pela WSL
Filipe Toledo é bicampeão mundial de surfe pela WSL

Atual bicampeão mundial de surfe, Filipe Toledo, 28 anos, o Filipinho, decidiu dar uma pausa na carreira de competições no esporte em 2024 e voltar no ano que vem, com exceção das Olimpíadas.

Faça parte do canal de OVALE no WhatsApp e receba as principais notícias da região! Acesse: https://whatsapp.com/channel/0029VaDQJAL4tRs1UpjkOI1l

Natural de Ubatuba, o surfista comunicou a decisão em vídeo publicado em seu perfil no Instagram, com 1,2 milhão de seguidores.

Ele anunciou que não disputará as etapas do mundial de surfe de 2024 para cuidar da saúde e da família. “Vou aproveitar. Eu estou feliz e em paz com a minha decisão”, disse ele.

Mesmo fora do mundial, o surfista afirmou que irá disputar as olimpíadas de Paris em julho deste ano.

Na semana passada, o atleta foi duramente criticado após abandonar Pipeline, no Havaí, uma das etapas mais tradicionais do surfe, em razão de uma intoxicação alimentar. Filipinho deixou a disputa na repescagem.

Mesmo com o anúncio, a WSL (Liga Mundial de Surf) afirmou que o bicampeão já tem sua vaga garantida em 2025 como surfista convidado.

“Eu decidi esse ano dar um break, ter uma pausa nas competições, eu venho fazendo isso nos últimos 11 anos no circuito, mas nos últimos 15 e 16 anos como profissional”, afirmou o surfista no vídeo.

“Depois de muitas vezes eu ter falado e vocês saberem de tudo que eu já passei, de tudo que já vivi, sinto que eu preciso dar uma descansada, dar um relax, aproveitar a minha família, cuidar de mim, focar nas Olimpíadas.”

Em texto publicado em inglês, também em seu perfil, Filipinho disse citou a questão da saúde mental.

“No passado, fui honesto sobre alguns dos meus desafios, não apenas com lesões, mas também com saúde mental. Competir ao mais alto nível na última década teve um impacto negativo sobre mim e preciso de uma pausa para me recuperar para o próximo capítulo da minha carreira”, afirmou.

Ele disse que a decisão foi tomada por ele nas últimas semanas com apoio da família, da equipe e dos patrocinadores.

“Tô em paz com a minha decisão. Eu senti isso no coração um pouco antes do turno começar, mas achei que era só um cansaço temporário e resolvi passar por cima do meu sentimento. Quando eu cheguei eu vi que não era nada disso”, contou.

“Tenho longo ano pela frente, muitas coisas para acontecer. Agora sinto que mereço um descanso, uma pausa, me divertir e ser feliz. Cuidar de mim, da minha família. Voltar mais forte do que nunca para 2025. Essa foi uma decisão comigo mesmo antes de entrar na bateria, não estava conectado e seria um ano longo. Não é isso que eu quero, quero cuidar de mim. Foi uma decisão junto com a minha família, meu time e patrocinadores. É difícil, mas a gente tem que olhar para dentro de nós e ver o que está acontecendo. Não estou depressivo e nem triste, só preciso descansar”, disse o surfista.

Ele também negou que a decisão tenha algo a ver com as redes sociais.

“Deixar bem claro para todo mundo que não tem nada a ver com internet e mídia social. Não teve nada a ver com isso. Foi decidido antes. Última vez que falo sobre esse assunto e quero agradecer todo mundo que passou comigo essas últimas semanas e foi muito difícil, de ter que lidar com os sentimentos e sensações. Apesar de estar decidido e em paz, não é fácil. Vou me divertir muito e aproveitar muito esse ano.”

Receba as notícias mais relevantes de Vale Do Paraíba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.