DRAMA

Pacientes esperam por vaga em unidades de saúde de Franca

Dois casos de espera por transferência foram reportados nas últimas horas para o Portal GCN/Rede Sampi: o da bebê Luara e o da idosa Eunice.

Por Hevertom Talles | 14/05/2024 | Tempo de leitura: 2 min
da Redação

Reprodução

Moradora está com infecção grave na perna
Moradora está com infecção grave na perna

A falta de vagas em unidades hospitalares continua sendo um tormento para os moradores de Franca. A situação segue sendo motivo de angústia e drama por parte de quem sofre com problemas de saúde e a consequente necessidade de liberação de vaga adequada para o tratamento.

Dois casos distintos de espera por transferência foram reportados nas últimas horas para o Portal GCN/Rede Sampi.

Em um deles, uma bebê de sete meses, Luara Ayla Carrijo Garlindo, está desde a segunda-feira, 13, internada no Pronto-socorro Infantil “Doutor Magid Bachur Filho” à espera de uma vaga.

Os familiares da criança procuraram atendimento médico porque ela está com sintomas de febre, vomitando, pneumonia, saturação baixa e infecção de urina.

A avó Maria do Carmo dos Santos Carijo afirma que os médicos informaram que a bebê precisa de transferência para realizar exames complementares que irão identificar o que ela tem. “hoje faz oito dias que a gente tá levando ela lá todo dia”, contou Maria, que após esses dias, a neta foi internação no PS Infantil somente ontem.

“Estou desesperada, a saturação dela está baixa, vomitando, mamou, daí dez minutos vomitou”, diz Maria.

Mulher com infecção
Outro caso é o de Eunice da Silva Faccirolli, de 63 anos, que aguarda na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Anita, desde a segunda-feira, 13.

Com diabete, Eunice está com um quadro grave de infecção na perna, com risco de se tornar generalizada. Ela também aguarda a vaga para passar com especialista.

Secretaria de Saúde do Estado e Prefeitura
Ambos os casos foram encaminhados para a Secretaria de Saúde do Estado e para a Prefeitura de Franca. A gestão de saúde estadual informou que estava verificando os casos e trabalhando para liberação da vagas de transferência.

À espera do transporte
Por volta de 19h, a vaga de Eunice foi liberada para transferência, mas no início da noite ele ainda aguardava o transporte.

Matéria atualizada às 21h34

Fale com o GCN/Sampi! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

1 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

  • Anônima
    15/05/2024
    Gente transporte é fácil ... Chama um parente , um aplicativo , um vizinho e ponto , agora do bebê pelo amor de Deus !!!! Vai deixar piorar ??????