ACIDENTE

Fio com efeito 'chicote' parte vítima ao meio; amigos em estado de choque

Um caminhão bateu no fio, que estava sobre a rodovia, e o fio em efeito chicote acertou o trabalhador - que estava em serviço -, arremessando ele contra uma carreta

Por Fábio Estevam | 11/04/2024 | Tempo de leitura: 2 min
Polícia

JORNAL DE JUNDIAÍ

O caso foi apresentado pela Polícia Militar
O caso foi apresentado pela Polícia Militar

Um técnico em manutenção, de 50 anos, morreu ao ter o corpo partido ao meio, por um fio, na rodovia Anhanguera, em Jundiaí, na noite desta quarta-feira (10). Ele realizava manutenção, no chão, momento em que foi atingido pelo fio em efeito 'chicote', que estava tensionado e foi projetado contra ele após ser atingido por um caminhão - uma câmera interna do caminhão gravou o momento em que se chocou contra o fio.

A vítima trabalhava com dois colegas no momento do acidente, sendo que um deles estava no alto de um poste e, o outro, com ele no chão. E segundo eles contaram à Polícia Militar e posteriormente ao delegado plantonista Rafael Diório - que compareceu ao local -, a vítima era funcionário de uma empresa de telecomunicações e eles estavam prestando serviço naquele momento, fazendo manutenção na fiação telefônica.

No poste onde as testemunhas e vítima realizavam a manutenção, estava ligado uma fiação que atravessava a rodovia Anhanguera e terminava do outro lado da pista. Por motivos à serem apurados durante as investigações da Polícia Civil, essa fiação estava solta e tensionada por cima da rodovia Anhanguera, sendo atingida por um caminhão que seguia no sentido interior-capital. Com isso, a fiação teria se tensionado e voltado como efeito 'chicote', acertando a vítima e a arremessando contra uma acarreta que estava estacionada na avenida Mário Mazola, ao lado da Anhanguera. Com o impulsionamento do corpo da vítima causado pelo impulso da fiação de telefonia, ela foi partida ao meio.

As informações prestadas pelos colegas de trabalho - que ficaram em estado de choque ao ver o amigo morrer de forma trágica -, vão ajudar a Polícia Civil durante as investigações, assim como o resultado dos trabalhos de perícia técnica realizados no local.

Quanto ao caminhão que atingiu o fio, provocando o acidente, o motorista inicialmente deixou o local, não percebendo o que havia acontecido. Mais tarde, ao tomar conhecimento sobre o caso, ele ligou os fatos - de ter se chocado contra o fio no mesmo momento em que houve uma morte na via -, e procurou a polícia. Imagens gravadas da boleia do caminhão mostram o o caminhão batendo no fio, que estava pendurado, segundo informações do Boletim de Ocorrência. O para-brisa do caminhão, inclusive, ficou danificado.

O caso será investigado.

Fale com o GCN/Sampi! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

2 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

  • Sérgio
    12/04/2024
    Boa noite sou instalador, meus sinceros pêsames a família. Sou de Curitiba esses acidentes estão por todo lado aqui a 2 semanas um motoboy teve a vida ceifada por acidente de caminhão arrebentou cabo, o que quero dizer a necessidade urgente de recuperação fo sistema de distribuição de Internet que está sobre carregado nos poste das grandes cidades. Há urgência nessa revisão.
  • Sebastião
    11/04/2024
    Perigos estão escondidos à espreita para ferir e matar em muitos lugares, gambiarras e jeitinhos são a origem da grande maioria deles. E quem tem mais atenção vê cada uma por aí que nem acredita como ainda não feriu ou matou alguém. Repare nos fios de tefone e de internet nos postes nas ruas e vc verá que é apenas uma questão de tempo para algum caminhão mais alto passar e enroscar para causar algum acidente com motociclistas ou algum pedestre mais distraído. E como filho feio não tem pai, depois ninguém é responsabilizado e fica tudo por isso mesmo.