ELEIÇÕES 2024

Dois vereadores de Franca desistem da reeleição; Ilton deve se lançar a vice-prefeito

Parlamentares têm prazo até esta sexta-feira para oficializar mudanças de partidos para as eleições deste ano.

Por N. Fradique | 03/04/2024 | Tempo de leitura: 2 min
da Redação

Arquivo/GCN

Ilton Ferreira deve sair a vice-prefeito; Luiz Amaral não irá concorrer
Ilton Ferreira deve sair a vice-prefeito; Luiz Amaral não irá concorrer

A dança das cadeiras segue na política de Franca. Pelo menos 8 parlamentares dos 15 existentes na Câmara de Franca já anunciaram troca de legendas, o que representa 53% de mudanças. A janela para a troca de partidos para as eleições de 2024 expira nesta sexta-feira, 5.

O vereador que anunciou a troca de partido nesta semana foi Ilton Ferreira. Ele não deverá buscar a reeleição, e sim se lançar a vice de João Rocha, pré-candidato a prefeito de Franca. Ilton deixa o PL e se filia ao União Brasil. João Rocha deixou o União e vai concorrer à Prefeitura pelo PL, que tem a deputada Delegada Graciela como líder do partido.

Ilton Ferreira confirmou nesta quarta-feira, 3, a troca de legendas e também que deverá formar dobradinha com João Rocha. “Houve uma concordância para que a gente fosse para o União Brasil para ser vice de João Rocha. Estamos à disposição do partido e estamos indo para o União Brasil”, confirmou o vereador.

Outro vereador que poderá anunciar a troca de partido é Carlinho Petrópolis. Ele é uns dos parlamentares que mais se mostrou indeciso nessa janela partidária. Carlinho não sabe se permanece no PL ou se aceita a ‘convocação’ de Alexandre Ferreira para se filiar ao MDB. “Precisamos estudar tudo direitinho. Temos que pensar lá na frente também, não só neste ano”, disse o vereador, que é muito ligado ao prefeito.

Os vereadores de Franca que aproveitaram esse período e já trocaram de legendas, além de Ilton Ferreira, são: Kaká, deixou o PSDB, e foi para o Republicanos; Lurdinha Granzotte, trocou União pelo Republicanos; Marcelo Tidy, que estava no União foi para o MDB; Lindsay Cardoso e Ronaldo Carvalho, saíram do Cidadania e acertaram com o PP; Zezinho Cabeleireiro deixou o PP e foi para o PSD; e Daniel Bassi trocou o PSDB pelo PSD.

Os que permanecem na legenda em que foram eleitos são: Donizete da Farmácia (MDB), Claudinei da Rocha (MDB), Gilson Pelizaro (PT), Della Motta (Podemos), Pastor Palamoni (PSD) e Luiz Amaral (Republicanos). Mas este último não disputará a reeleição. O partido ligado à Igreja Universal deverá oficializar o nome de Andreia Silva para ficar com a vaga.

Fale com o GCN/Sampi! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

2 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

  • ADILSON
    04/04/2024
    Vice prefeito ninguem nem sabe quem é, não faz nada , e recebe tranquilinho seu dim dim , sem ninguem incomodar ele .... tem que acabar com esse cargo e de vereadores , que nao fazem nada , cade a reforma politica , para acabar com essa farra... ai nem direita e nem esquerda apoia , todos farinha mesmo saco
  • Wilson Silva
    03/04/2024
    É podem ir já pensando em outra forma pra sobreviver, arrumar um trabalho, porque desses vereadores que estão nesse mandato, si conseguir si reeleger vai ser uns 2 ou 3 e olhe lá hein. Dos últimos 20 anos foi a pior Câmara de Vereadores que Franca teve, um bando de inúteis.