BAURU

Mãe vai visitar filho em prisão de Bauru e é presa ao tentar entrar com droga no corpo

Ela foi flagrada no escaneamento corporal do CPP 1

Por Bruno Freitas | 19/02/2024 | Tempo de leitura: 1 min
da Redação

Divulgação

CPP 1 de Bauru
CPP 1 de Bauru

Uma mulher de 50 anos foi presa em flagrante, neste domingo (18), ao tentar entrar com drogas na visita ao filho no Centro de Progressão Penitenciária 1 (CPP-1) de Bauru. Ela passou pelo escâner corporal e os agentes detectaram uma imagem suspeita em sua região íntima.

Segundo o boletim de ocorrência, ela confessou que estava com um saco plástico escondido na vagina. Depois, removeu o invólucro e alegou que desconhecia o que havia dentro. Em análise, foi constatado que havia maconha e cocaína.

A mulher foi levada ao Plantão Policial, prestou depoimento e teve sua prisão ratificada. Na sequência, foi encaminhada ao presídio feminino de Pirajuí.

NO CPP 2

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informou as apreensões de objetos ilícitos ocorridos no final de semana passado, no Centro de Progressão Penitenciária 2 (CPP-2), de Bauru.

Dois casos aconteceram no sábado, dia 10, quando duas mulheres foram flagradas pelo escâner corporal carregando itens no corpo. Uma delas tinha consigo um aparelho celular, dois chips telefônicos e dois fones de ouvido. A outra possuía um pacote com aproximadamente 200 gramas de cocaína.

No dia seguinte (11), policiais penais femininas que faziam a inspeção nas visitantes notaram uma imagem suspeita na região pélvica de uma mulher, esposa de um sentenciado da unidade prisional. Tratava-se de um invólucro contendo 315 gramas de maconha.

Todo material foi apreendido e enviado à Delegacia de Polícia, local em que foi registrado um BO. O CPP também instaurou procedimento preliminar para apurar os episódios.

Fale com o GCN/Sampi! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.