Agricultores protestam contra dívidas em Ituverava

Os agricultores da região de Ituverava continuam protestando contra o governo federal na tentativa de conseguir renegociar dívidas.

17/05/2006 | Tempo de leitura: 1 min

Mais de cem produtores rurais da região de Ituverava interditaram meia pista da Rodovia Anhangüera
Mais de cem produtores rurais da região de Ituverava interditaram meia pista da Rodovia Anhangüera
Os agricultores da região de Ituverava continuam protestando contra o governo federal na tentativa de conseguir renegociar dívidas. Ontem, mais de cem produtores rurais tomaram a Avenida Doutor Soares de Oliveira, principal da cidade, e depois interditaram meia pista da Rodovia Anhangüera, utilizando tratores e caminhões. O manifesto foi organizado pelo Sindicato dos Produtores Rurais de Ituverava e pela Associação Paulista dos Produtores de Algodão com apoio da Secretaria Municipal de Agricultura e Faculdade de Agronomia daquele município. A pista, na altura do km 413, ficou interditada por 40 minutos pelos produtores de Ituverava, Guará e Buritizal. A lista de reivindicações é grande e segue o mesmo modelo de agricultores de outros Estados tais como: maior apoio para a agricultura familiar; criação de um câmbio fixo de exportação de produtos agropecuários; agilidade no registro dos genéricos e de novos produtos para a agropecuária; implantação imediata de uma política nacional de combate a ferrugem asiática e à cigarrinha das pastagens; crédito rural e liberação de recursos para a conclusão e manutenção de rodovias federais e estaduais que escoam a produção, entre outros.

Fale com o GCN/Sampi! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Quer receber as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp? Faça parte da comunidade GCN/Sampi e fique sabendo de tudo em tempo real. É totalmente gratuito! Abra o QR Code.

Participe da Comunidade

Quer receber as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp? Faça parte da comunidade GCN/Sampi e fique sabendo de tudo em tempo real. É totalmente gratuito!

Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.