Cartórios eleitorais fazem plantão no fim de semana

A data final estipulada pela Justiça Eleitoral para retirar, revisar (atualizar dados) ou transferir o título de eleitor é 3 de maio. Para desafogar o volume de atendimentos no fi

26/04/2006 | Tempo de leitura: 2 min

Cartórios Eleitorais fazem plantão no próximo fim de semana para retirada, revisão e transferência do título de eleitor
Cartórios Eleitorais fazem plantão no próximo fim de semana para retirada, revisão e transferência do título de eleitor
A data final estipulada pela Justiça Eleitoral para retirar, revisar (atualizar dados) ou transferir o título de eleitor é 3 de maio. Para desafogar o volume de atendimentos no fim do prazo, os cartórios eleitorais do Centro, Região e Estação programam atendimento no feriado prolongado. Nas duas primeiras unidades, o plantão será feito das 10 às 18 horas, nos dias 29 e 30 de abril e 1º de maio (feriado do Dia do Trabalho). Na Estação, o funcionamento acontecerá das 10 às 17 horas. “Muitos deixam para regularizar o título na última hora. Abriremos no fim de semana para desafogar os atendimentos”, disse Marcelo Queiroz, chefe da 46ª Zona Eleitoral, que espera receber 300 pessoas nos três dias de plantão. Os cidadãos devem aproveitar a oportunidade para retirar a primeira via do documento, solicitar transferência ou atualizar os dados para poder votar nas eleições de 1º de outubro, quando serão escolhidos o presidente da República, o governador do Estado, senadores, e deputados estadual e federal. Para solicitar o título, os interessados devem comparecer ao cartório ao qual pertence o bairro em que residem e apresentar o documento de identidade, comprovante de residência e os homens com 18 anos completos, o comprovante de alistamento militar. O procedimento é gratuito, exceto para quem tem a partir de 19 anos. Neste caso, a taxa cobrada é de R$ 3. O documento fica pronto na hora. Vale lembrar que a partir dos 16 anos, os jovens podem votar, mas a obrigatoriedade é aos 18 anos. Para transferência do local de votação, o eleitor deve levar a certidão de casamento, comprovantes de voto das últimas eleições, o título e comprovante de residência. CANCELADOS Nos três cartórios, mais de 500 eleitores estão com os títulos cancelados. Eles também têm até dia 3 de maio para pagar as multas referentes às ausências em eleições que não foram justificadas para poder participar das votações em 2006. O documento é exigido em diferentes ocasiões. Se o título for cancelado, a pessoa perde, automaticamente, o CPF, fica impedida de votar, tirar passaporte, prestar concurso público, fazer empréstimo bancário e se matricular em escolas.

Fale com o GCN/Sampi! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Franca e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.