JULGAMENTO

TRE extingue ação que pedia a cassação de vereador de São José

Juvenil Silvério era acusado de infidelidade partidária por trocar o PSDB pelo PSD, mas o autor da ação, o ex-vereador Sérgio Camargo, também deixou o PSDB e mudou para o PL

Por Julio Codazzi | 23/05/2024 | Tempo de leitura: 2 min
São José dos Campos

Cleverson Nunes/CMSJC

Juvenil Silvério trocou o PSDB pelo PSD em março de 2022
Juvenil Silvério trocou o PSDB pelo PSD em março de 2022

O TRE (Tribunal Regional Eleitoral) decidiu nessa quinta-feira (23), por unanimidade, extinguir a ação que pedia a cassação do mandato do vereador Juvenil Silvério (PSD), de São José dos Campos, por infidelidade partidária.

Clique aqui para fazer parte da comunidade de OVALE no WhatsApp e receber notícias em primeira mão. E clique aqui para participar também do canal de OVALE no WhatsApp

Os desembargadores entenderam que o autor da ação, o ex-vereador Sérgio Camargo, que era o primeiro suplente do PSDB na Câmara de São José, perdeu a legitimidade para requerer o mandato de Juvenil. O motivo: na última janela partidária, encerrada em abril desse ano, Camargo deixou o PSDB e se filiou ao PL.

Questionado pela reportagem, Sérgio Camargo afirmou que ainda irá estudar se apresentará recurso ou não contra a decisão do TRE.

MUDANÇA.
No primeiro dia do julgamento, em 9 de abril, o relator do processo, desembargador Encinas Manfré, chegou a afirmar que essa troca de legenda não tiraria a legitimidade de Camargo para mover a ação, pois teria ocorrido na janela partidária. No entanto, havia votado pela improcedência da ação, ressaltando que Juvenil teria obtido aval do diretório municipal do PSDB para se desfiliar.

Nessa quinta-feira, o juiz Régis Castilho, que havia pedido vista no dia 9 de abril, manifestou entendimento contrário. Para Castilho, a carta de anuência não teria validade, pois foi anulada posteriormente pelo diretório estadual. No entanto, o juiz afirmou que a janela partidária é válida apenas para titulares de mandato, e que Camargo perdeu a legitimidade para mover a ação ao trocar o PSDB pelo PL.

O relator concordou com o argumento de Castilho e alterou seu voto inicial. Os demais desembargadores acompanharam o entendimento.

PARTIDO.
Juvenil, que estava filiado ao PSDB desde 1989, trocou o partido pelo PSD no fim de março de 2022, seguindo os passos do ex-prefeito Felicio Ramuth, que é o atual vice-governador de São Paulo, e do atual prefeito, Anderson Farias.

O vereador, que atua na Câmara desde 2005 e já está no quinto mandato consecutivo, mudou de legenda para ser candidato a deputado estadual em outubro daquele ano, mas não conseguiu ser eleito.

Fale com a Folha da Região! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção? Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Araçatuba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.