DIETA

Embora benéfica, apenas 13% dos brasileiros consomem frutas

A maioria da população ainda está longe de incorporar esses alimentos essenciais em sua rotina alimentar

Por Rafaela Silva Ferreira | 16/05/2024 | Tempo de leitura: 3 min

DIVULGAÇÃO

Uma pesquisa recente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou que apenas 13% dos brasileiros consomem frutas diariamente. Embora os benefícios desse alimento para a saúde sejam amplamente reconhecidos, a maioria da população ainda está longe de incorporar as frutas essenciais em sua rotina alimentar.

Segundo a nutricionista Letícia Cardoso Dias, 27 anos, é recomendado consumir pelo menos cinco porções de frutas por dia. "Isso equivale a aproximadamente 400 gramas de frutas diárias, distribuídas ao longo das refeições e lanches", explica ela. "As porções podem ser variadas para garantir a ingestão de diferentes nutrientes. Uma porção pode ser uma maçã, uma banana, uma laranja, ou meia xícara de frutas menores, como uvas ou frutas vermelhas."

As frutas são ricas em vitaminas, minerais, fibras e antioxidantes, que desempenham papéis cruciais na promoção da saúde. A nutricionista destaca alguns dos benefícios mais importantes. "Frutas como laranjas, kiwis e morangos são fontes ricas em vitamina C, que ajuda na imunidade. Bananas são uma excelente fonte de potássio, importante para a função muscular e saúde cardíaca. Além disso, as fibras presentes nas frutas auxiliam na digestão, promovendo um trânsito intestinal regular e prevenindo a constipação. Maçãs, pêras e framboesas são exemplos de frutas ricas em fibras."

Cardoso comenta que maio é um excelente mês para encontrar uma variedade de frutas frescas e nutritivas. Durante esse período, diversas frutas estão em safra, as quais destacam abacaxi, acerola, banana, caqui, goiaba, laranja, limão, maçã, mamão, manga, maracujá, melancia, melão e morango. "Eu atendo muitas crianças também, então sempre procuro explicar para elas, que naturalmente já não gostam muito de frutas, que tem outras maneiras de consumi-las. Por exemplo, um suco de abacaxi é uma excelente fonte de vitamina C e bromelina. Assim como o suco de acerola, que é rico em vitamina C."

A especialista também ressalta que mamão, manga, maracujá e melão são exelentes opções para consumir, principalmente na safra. "Incorporar uma variedade de frutas na dieta diária é uma das maneiras mais simples e eficazes de melhorar a saúde geral", diz. "Seguindo as orientações de especialistas, com certeza as pessoas poderão aproveitar todos os benefícios que as frutas têm a oferecer."
   
FRUTAS QUE TODOS PODEM COMER

Embora a diversidade seja fundamental, há algumas frutas que podem ser consideradas universalmente benéficas e geralmente seguras para a maioria das pessoas. Conforme Letícia Cardoso Dias cita:

Maçã: Rica em fibras e vitamina C.

Banana: Fonte de potássio e vitamina B6.

Laranja: Repleta de vitamina C e antioxidantes, a laranja ajuda na imunidade e na absorção de ferro.

Frutas vermelhas: Morangos, blueberries e framboesas são ricos em antioxidantes e vitaminas, além de serem baixos em calorias.

NA DIETA

Para Ana Paula da Silva, metalúrgica de 34 anos, incluir frutas em sua dieta diária não é apenas uma questão de saúde, mas um estilo de vida. Desde pequena, ela foi ensinada por sua avó a valorizar os alimentos naturais e frescos. "Minha avó sempre dizia que as frutas são o doce da natureza."

Por isso, para a metalúrgica, os benefícios são evidentes. Além de sentir mais energia e disposição, ela acredita que o consumo regular de frutas tem sido fundamental para manter sua pele saudável e seu sistema imunológico forte. "As frutas me dão a vitalidade que preciso", explica. Ela também vê nas frutas uma forma de prevenção contra doenças. "Saber que estou fazendo algo positivo pelo meu corpo a longo prazo me dá uma sensação de segurança e bem-estar", finaliza.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.