JUNDIAÍ

Motociclista morre em acidente, e mulher é presa e se recusa ao teste do bafômetro

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas quando chegou a vítima já estava morta

Por Fábio Estevam | 26/02/2024 | Tempo de leitura: 1 min
Polícia

DIVULGAÇÃO

.
.

Um motociclista morreu no final da noite deste domingo, na rodovia Tancredo Neves, na região do bairro Santa Gertrudes, em Jundiaí, ao ser atingido por um carro que invadiu a contramão da pista. A mulher condutora do carro se recusou a fazer o teste do bafômetro - ela foi presa em flagrante por homicídio. Já a pessoa que estava de carona com ela foi presa por omissão de socorro.

A Polícia Militar Rodoviária foi acionada por volta das 23h30 para atender a ocorrência de acidente de trânsito no km 056 da pista Sul da Estrada Velha.

Pelo local, a condutora de um  Fiat Toro informou que estava no sentido Jundiaí (pista Norte), quando - por motivos a serem esclarecidos - colidiu contra a traseira de um veículo GM Astra.

Após a colisão ela perdeu o controle e invadiu a pista contraria, momento em que atingiu o motociclista.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas quando chegou a vítima já estava morta.

Convidados a realizarem o exame bafômetro, o condutor do Astra testou negativo para ingestão de álcool. Já a condutora do Toro se recusou a fazer o teste.

Presa em flagrante e, ainda no local, os policiais constataram que o licenciamento do carro estava vencido, sendo então recolhido.

A ocorrência foi apresentada no Plantão Policial, onde a motorista foi presa por homicídio culposo na direção de veículo automotor. Já a pessoa que estava com ela foi indiciada por omissão de socorro.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.