NOSSAS LETRAS

Etarismo

Termo considerado novo na língua portuguesa do Brasil, mas cujo significado e prática são bastante antigos. Leia o artigo de Zelita Verzola.

Por Zelita Verzola | 20/01/2024 | Tempo de leitura: 1 min
Especial para o GCN/Sampi Franca

Termo considerado novo na língua portuguesa do Brasil, mas cujo significado e prática são bastante antigos. Vem tomando proporções preocupantes atualmente. Entendido como preconceito contra alguém por sua idade, atinge mais particularmente a pessoa idosa.

Gosto de contar um fato ou historinha que exemplifica amplamente aquilo que trago à consideração. Vou narrar sucintamente o que me contou, em um desabafo, uma amiga cheia de anos.

Ao se consultar com uma médica com quem tinha uma relação cordial, notou que algo mudara. Havia já algum tempo que não ia àquele consultório. A médica a recebeu com a gentileza e a competência de sempre, mas...ao olhar a anotação da idade da minha amiga, no computador, mudou o rumo da consulta! Agora consultava uma determinada idade!!!

Ana Maria (nome fictício) chorou. A efetividade da consulta foi quase nula.

Por esta pequena narrativa pode o leitor arrolar inúmeras situações que degradam a pessoa por sua idade. Mesmo que não idosa.

Ana Maria disse que iria comprar novamente um livro - sucesso nos anos 1980 - do psicólogo Carl Rogers, intitulado "Tornar-se pessoa".

Zelita Verzola é professora, escritora, membro da Academia Francana de Letras

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.