LUTO NO VALE

‘Coração em pedaços’: amigos se despendem da universitária Camila

Camila Reis Florêncio era aluna da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro e moradora de Santa Branca; ela morreu atropelada por um caminhão na BR 465

Por Da redação | 23/05/2024 | Tempo de leitura: 2 min
São José dos Campos

Reprodução/ Redes Sociais

Camila Reis Florêncio morreu aos 21 anos
Camila Reis Florêncio morreu aos 21 anos

A morta da estudante de engenharia química Camila Reis Florêncio, 21 anos, moradora de Santa Branca, comoveu colegas da UFRRJ (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro), aonde ela iria se formar no primeiro semestre de 2025.

Clique aqui para fazer parte da comunidade de OVALE no WhatsApp e receber notícias em primeira mão. E clique aqui para participar também do canal de OVALE no WhatsApp.

Mas a tragédia fez com que a universitária fosse atropelada por um caminhão na BR-465, a antiga Estrada Rio São Paulo, na altura de Seropédica, na Baixada Fluminense. Ela andava de bicicleta pelo acostamento quando foi atingida pelo veículo. A Polícia Civil abriu um inquérito para apurar as causas do acidente.

Camila gostava postar fotos nas redes sociais em meio à natureza e também acompanhada da cachorra Kiara, da raça Pastor Alemão, sua fiel escudeira. Amigos lamentaram a morte precoce da jovem.

“Meu coração está doendo, sangrando, jamais imaginei passar por essa dor”, escreveu uma amiga da estudante.

“Quando me lembro da minha infância você faz parte da maioria das minhas memórias, e até meu último suspiro vai ser assim, você estará viva pra sempre em mim mesmo que seja no meu coração”, postou uma familiar.

“Papai do céu cuida da minha amiga, e amiga, cuida da gente, minha de fé”, escreveu outra amiga. “Eu te amo pra toda vida e te lembrarei assim”.

A Universidade Federal Rural divulgou um comunicado lamentando a morte da estudante e se solidarizando com a família em Santa Branca.

O corpo de Camila será velado nesta sexta-feira (24), das 6h às 10h30, no Residencial Phyllus (antigo asilo de Santa Branca). O sepultamento está previsto para 11h, no Cemitério Municipal da cidade.

Outros amigos declararam o amor pela universitária nas redes sociais, dizendo que a morte dela é um “acidente trágico”.

“Meu coração está em pedaços, extremamente apertado e querendo explodir de dor. Você foi tão incrível, Camila. Você sempre alegrava todo mundo por onde passava, não tinha uma pessoa que não gostasse de você. A nossa amizade foi linda, tudo o que vivemos foi tão especial, tão incrível. Te levarei comigo pra sempre, estará em meu coração e em minha memória eternamente”, escreveu uma amiga.

“Eu não entendo hoje o porquê, mas sei que os planos de Deus são melhores que o nosso. Hoje você se foi e levou junto um pedaço de mim, espero te reencontrar um dia minha amiga, sua jornada foi linda demais, te amo pra sempre, obrigada por tudo, tudo, tudo! Até breve minha morena mais linda”, escreveu outro.

Fale com a Folha da Região! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção? Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Araçatuba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.