FUTEBOL

Flamengo regride e terá panela de pressão no Maracanã

Depois de vencer o Carioca de maneira incontestável, o Flamengo caiu de rendimento quase que imediatamente

Por Luiza Sá | 23/05/2024 | Tempo de leitura: 2 min
da Folhapress

Divulgação

Rubro-negro volta ao Rio de Janeiro para uma sequência de três jogos no Maraca
Rubro-negro volta ao Rio de Janeiro para uma sequência de três jogos no Maraca

O Flamengo parecia estar perto de retomar o caminho das boas atuações, mas regrediu diante do Amazonas (mesmo com a vitória) e voltou a viver no clima da incerteza. Agora, o rubro-negro volta ao Rio de Janeiro para uma sequência de três jogos no Maracanã com a panela de pressão ligada.

As vitórias nos jogos contra Corinthians e Bolívar aliviaram o clima. A torcida avaliou bem as atuações e viu crescimento na equipe depois de várias críticas. O confronto com o Amazonas, porém, expôs várias dificuldades. O Flamengo sofreu além do esperado diante de um time inferior. A falta de criatividade no meio-campo e a dificuldade defensiva para fechar espaços ficaram evidentes.

O Flamengo agora tem três jogos consecutivos no Maracanã: Millonarios na Libertadores (28/05), Vasco (02/06) e Grêmio (13/06). Depois, encara o Athletico fora (16/06) e volta para mais duas partidas no Rio: Bahia (19/06) e Fluminense (23/06).

Vale lembrar que o rubro-negro está em vias de perder atletas para as seleções. Erick Pulgar, Arrascaeta, De la Cruz, Viña e Varela estão cotados para ir à Copa América. Fabrício Bruno deixa o clube em breve após ser vendido para o West Ham.

Pontos de pressão

  • Instabilidade. Depois de vencer o Carioca de maneira incontestável, o Flamengo caiu de rendimento quase que imediatamente. Sofreu em um grupo teoricamente fácil na Libertadores, correu riscos contra o Amazonas e não convenceu no Brasileiro.
  • Gabigol volta ao Maracanã. Se em Manaus o atacante foi recebido com carinho e alguns protestos, o Rio de Janeiro promete ser um ambiente mais complicado. Abraçado pelos rubro-negros em todos os momentos, ele deve ver o estádio protestar de maneira incisiva contra os recentes episódios o atacante apareceu com a camisa do Corinthians.
  • O treinador vem sendo vaiado em praticamente todos os jogos. Mesmo em Manaus a situação não foi diferente. Sem estar necessariamente sob pressão interna, há a cobrança por melhores resultados. Um cenário caótico na última rodada da Libertadores, por exemplo, pode acentuar isso. O sinal de alerta está ligado.
  • Foi comum recentemente ouvir vaias no Maracanã até em partidas que o Flamengo estava vencendo. Hoje, é preciso convencer além de sair com o bom resultado. Considerando o atual momento de atuações ruins, a paciência está cada vez menor.

Fale com a Folha da Região! Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção? Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Receba as notícias mais relevantes de Araçatuba e região direto no seu WhatsApp
Participe da Comunidade

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.