CENA DE FILME

CENA DE FILME

VÍDEO: Parece filme! Em tentativa de fuga, assaltante quebra telha e cai do telhado

VÍDEO: Parece filme! Em tentativa de fuga, assaltante quebra telha e cai do telhado

Na fuga, uma mulher acabou sendo feita refém em uma loja que comercializa resistências elétricas na mesma região

Na fuga, uma mulher acabou sendo feita refém em uma loja que comercializa resistências elétricas na mesma região

Por Gabriel Blois Moreira | 14/09/2023 | Tempo de leitura: 1 min

Por Gabriel Blois Moreira
14/09/2023 - Tempo de leitura: 1 min

Reprodução

Durante uma tentativa de assalto no centro do Rio de Janeiro, ocorrida na tarde desta quarta-feira (13), um dos criminosos quebrou a telha de um imóvel em uma cena quase cinematográfica de fuga. Os assaltantes, armados, invadiram uma agência bancária e fizeram uma mulher de refém.

Na fuga, uma mulher acabou sendo feita refém em uma loja que comercializa resistências elétricas na mesma região. A polícia acabou conseguindo a libertação da refém após negociações com um dos criminosos envolvidos. Três dos indivíduos que participaram da ação criminosa foram detidos pelas autoridades. Suas identidades e detalhes adicionais sobre a operação policial não foram divulgados até o momento.

Durante uma tentativa de assalto no centro do Rio de Janeiro, ocorrida na tarde desta quarta-feira (13), um dos criminosos quebrou a telha de um imóvel em uma cena quase cinematográfica de fuga. Os assaltantes, armados, invadiram uma agência bancária e fizeram uma mulher de refém.

Na fuga, uma mulher acabou sendo feita refém em uma loja que comercializa resistências elétricas na mesma região. A polícia acabou conseguindo a libertação da refém após negociações com um dos criminosos envolvidos. Três dos indivíduos que participaram da ação criminosa foram detidos pelas autoridades. Suas identidades e detalhes adicionais sobre a operação policial não foram divulgados até o momento.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

Ainda não é assinante?

Clique aqui para fazer a assinatura e liberar os comentários no site.