DESAPARECIDO

'Seu Pedro' queria cumprir promessa em Aparecida; polícia faz reconstituição

Romeiro desaparecido no Vale do Paraíba iria pela segunda vez até Aparecida; até o momento, não há suspeitas criminais

Por Marcelo Rocha | 02/04/2024 | Tempo de leitura: 2 min
Piquete

Foto: Reprodução/EPTV

Polícia Civil faz trabalho de reconstituição dos últimos passos do romeiro
Polícia Civil faz trabalho de reconstituição dos últimos passos do romeiro

A família de Pedro Donizete Francisco, um romeiro de 69 anos, que desapareceu durante uma peregrinação de Varginha (MG) a Aparecida há uma semana, mantém a esperança de encontrá-lo.

Clique aqui para fazer parte da comunidade de OVALE no WhatsApp e receber notícias em primeira mão. E clique aqui para participar também do canal de OVALE no WhatsApp

Seu Pedro é um devoto de Nossa Senhora e pai de cinco filhos. Esta seria sua segunda visita ao Santuário Nacional de Aparecida.

Seu Pedro embarcou nesta jornada para cumprir uma promessa, com a fé de que poderia agradecer à Santa pela graça alcançada no domingo de Páscoa. “Todos nós somos muito devotos de Nossa Senhora. Tenho fé que ele vai aparecer”, disse Maria Aparecida Francisco, filha de Seu Pedro, de 41 anos.

Morador de Ilha do Salto, na zona rural de Varginha (MG), Seu Pedro estava acompanhado pelo filho e dois netos quando desapareceu, em uma trilha na divisa entre os estados de Minas Gerais e São Paulo, na serra de Piquete.

RECONSTITUIÇÃO.

A Polícia Civil realizou nesta terça-feira (2) uma reconstituição dos últimos momentos antes do desaparecimento de Seu Pedro. O trabalho começou com o depoimento de Pedro Augusto Francisco, filho de Seu Pedro, que estava com ele momentos antes do desaparecimento. “Fizemos a oitiva para que ele nos explicasse detalhadamente a dinâmica de como os fatos aconteceram. A ideia era filmá-lo para conseguirmos entender exatamente como o desaparecimento aconteceu”, explicou o delegado de Piquete, Marcelo Vieira.

“A ideia também é concretizar bem rapidamente como os fatos aconteceram, o Pedro [filho do romeiro] está nos ajudando. A gente vai fazer uma reconstituição com o Instituto de Criminalística Paulista para entender exatamente como foi a dinâmica da descida deles pela trilha, a separação dos dois, o não encontro. [Vamos fazer a] fixação de pontos, a gente vai subir um drone para fixar esse ponto, a gente vai tentar concretizar o local e a dinâmica de como os fatos aconteceram”, disse o delegado.

Até o momento, não há suspeitas criminais e foi instaurado um procedimento de investigação de desaparecidos. Quem tiver informações sobre o paradeiro de Seu Pedro pode informar as autoridades na base mais próxima da Polícia Militar ou do Corpo de Bombeiros. O contato também pode ser feito por telefone, com a PM pelo 190 ou com os bombeiros pelo 193.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.