VIOLÊNCIA

Deputada Tabata Amaral sai ferida de tentativa de assalto em São Paulo

Um homem quebrou o vidro traseiro do carro para pegar seu celular. Ela jogou o aparelho no chão e evitou o roubo, mas foi atingida por estilhaços e teve a boca e as mãos feridas.

09/12/2023 | Tempo de leitura: 1 min
Folhapress

Reprodução/Tabata Amaral/Facebook

Tabata disse que a violência tomou conta da capital paulista.
Tabata disse que a violência tomou conta da capital paulista.

A deputada federal Tabata Amaral (PSB-SP) se feriu após sofrer tentativa de assalto na Bela Vista, bairro na região central de São Paulo, durante a manhã deste sábado (9).

Segundo a parlamentar, ela voltava de evento do partido quando um homem quebrou o vidro traseiro do carro para pegar seu celular. Ela jogou o aparelho no chão e evitou o roubo, mas foi atingida por estilhaços e teve a boca e as mãos feridas. Seu motorista saiu ileso.

Em vídeo publicado no Instagram após o ocorrido, Tabata disse que a violência tomou conta da capital paulista.

"Nunca me senti tão insegura na minha cidade. Essa não é a São Paulo em que eu quero criar meus filhos. Precisamos ter coragem de dar um basta nessa situação", declarou.

Boletim de ocorrência não foi realizado até publicação deste texto. Segundo a assessoria da deputada, ela deve manter seus compromissos deste fim de semana.

Com apoio do vice-presidente Geraldo Alckmin, Tabata é pré-candidata à Prefeitura de São Paulo. As eleições ocorrem em outubro do próximo ano.

2 COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.

  • Dado
    09/12/2023
    A violência em SP não é de hj não! Minha família se mudou de lá em 1979, ainda época de regime militar. Todos da minha família tá tinham sido furtados ou roubados a mão armada e já era insuportável! E olha que naquela época a fama da polícia era que ela matava mesmo... A questão é que as facções que começaram no RJ em 1983 (época de regime militar tb) foi se organizando mais que o Estado e agora, eles estão infiltrados em todas as esferas do poder. Limpa Brasil! Moraliza Brasil!
  • Batata
    09/12/2023
    Mas pera aí... ela estava acessando o celular no momento do furto, é?! Kkkkkkk só políticos fazedores de leis é que podem contrariar o CTB?! É muito bom sabermos disso!