POLÍCIA

Menina de 12 anos conta como foi raptada e colocada em mala por pedófilo; ASSISTA

Ela disse que a porta de trás do carro estava aberta; “A moça pegou um pano e colocou na minha boca. Eu tentei me mexer só que não consegui”

30/06/2023 | Tempo de leitura: 1 min

Reprodução de vídeo

A menina foi levada para dentro do apartamento do suspeito dentro de uma mala
A menina foi levada para dentro do apartamento do suspeito dentro de uma mala

A menina de 12 anos encontrada algemada pelos pés, deitada em uma cama, no apartamento de Daniel Moraes Bittar, 42 anos, analista de tecnologia da informação (TI), contou aos policiais como foi raptada e colocada no porta-malas do veículo.

O vídeo foi inicialmente compartilhado pelo Metrópoles com a autorização de familiares e mantendo o anonimato da vítima. Nele, a menina conta que a porta de trás do carro estava aberta. “Ele (o suspeito) pegou e me colocou lá dentro do carro, lá atrás. A moça pegou um pano e colocou na minha boca. Eu tentei me mexer só que não consegui”, conta.

Ela também menciona que foi tocada nas partes íntimas e que seu braço, com lesões roxas, estava doendo. Na gravação, a menina também nega ter bebido algum remédio.

A Polícia Militar de Goiás informou que a vítima foi encontrada consciente, mas abalada, bastante machucada, com sinais de violência sexual. Ela ela precisou ser levada ao hospital, para receber atendimento.

A garota, que vive no Entorno do DF, foi levada até a residência do criminoso, na Asa Norte, dentro de uma mala.

Daniel Moraes Bittar foi preso, em flagrante, por volta das 23h30 de quarta-feira (28), segundo a Polícia Militar.

COMENTÁRIOS

A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores. Por isso, os leitores e usuários desse canal encontram-se sujeitos às condições de uso do portal de internet do Portal SAMPI e se comprometem a respeitar o código de Conduta On-line do SAMPI.