LUTO

Aos 82 anos, morre Wagner Sábio de Melo, do Samello

Por Pedro Baccelli | da Redação
| Tempo de leitura: 2 min
Sampi/Franca
Reprodução
Empresário Wagner Sábio de Melo: morte aos 82 anos
Empresário Wagner Sábio de Melo: morte aos 82 anos

A indústria calçadista de Franca perdeu um de seus ícones na manhã desta segunda-feira, 8. Wagner Sábio de Melo, acionista e filho do fundador do Grupo Samello, morreu aos 82 anos após queda das plaquetas enquanto estava internado no Hospital São Joaquim/Unimed. Casado com Marilda Tozi de Melo, o empresário deixou quatro filhos: Lilian, Marina, Silvia e Wagner Filho.

Diretor da MSM Produtos Para Calçados, Wagner estava afastado dos negócios pela idade avançada, além de problemas cardiovasculares e diabete. “Ele sempre foi um mentor para nós, sempre esteve presente nas decisões mais sérias”, disse o amigo e gestor da MSM, Wanir Roberto do Nascimento.

Aposentado, o empresário morava na região central da cidade. Wagner fundou duas lojas maçônicas, sendo mestre de três em Franca. Na visão de Wanir, o amigo sempre foi uma pessoa “solícita”, com uma personalidade “ilibada”.

“Gostaria de salientar que Wagner deixará um legado de um homem livre e de bons costumes, que sempre olhou pelo lado do próximo. Uma pessoa muito honesta. Uma pessoa muito detalhista em suas atribuições e um ícone a ser seguido pela sociedade. Eu como sendo um filho ‘da Franca’ só tenho a agradecer pelo que ele fez na nossa cidade”, completou Wanir.

Outro amigo que se despediu de Wagner foi Paulo Roberto Alves Pereira, com quem foi parceiro comercial. “Deixo meu tributo de ter sido honrado com a amizade dele. O companheirismo que ele sempre nos proporcionou. O ser humano que ele é, os ensinamentos que nos passou e da amizade gerada há muitos e muitos anos”.

“Franca perde hoje um dos grandes empresários de sua história, na história da cidade e do setor calçadista. A empresa Samello representava a indústria calçadista de Franca, a mãe de todas as indústrias de calçados e da cultura do calçado francano. Lamentamos muita morte, mas que Deus o tem no céu, e abençoe-o e sua família”, lamentou o presidente do Sindifranca (Sindicato da Indústria de Calçados de Franca), José Carlos Brigagão.

O corpo será velado na Loja Maçônica São Paulo, e cremado às 9 horas desta terça-feira, 9, em Jardinópolis (SP).

História

Wagner é filho do espanhol Miguel Sábio de Mello, fundador do Samello. O pai se mudou para o Brasil após a 1ª Guerra Mundial e montou sua primeira oficina de reforma de sapatos em Franca em 1926. Mecanizando sua produção em 1934, o sapateiro formou profissionais visando à qualidade e o conforto de seus produtos. Propulsor de sapatos como mocassim, drives e docksides no Brasil, ganhou destaque entre marcas internacionais, como Gucci, Cole Haan, Hugo Boss e Polo Ralph Lauren. Grandeza que empregou milhares de francanos durante quase um século de história.

Fale com o GCN/Sampi!
Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Comentários

Comentários