CORRIDA

Concurso de matemática movimenta quase 300 alunos de Franca

Por Bruna Góis | da Redação
| Tempo de leitura: 1 min
Reprodução
No Brasil a competição chegou à sua 16° edição, com mais de 32 mil participantes das Etecs
No Brasil a competição chegou à sua 16° edição, com mais de 32 mil participantes das Etecs

O Concurso Canguru de Matemática, criado há 30 anos na França, chega em sua 16ª edição no Brasil. Na edição de 2024, participaram mais de 32 mil estudantes de 154 Etecs (Escolas Técnicas Estaduais) do CPS (Centro Paula Souza). Entre os participantes, apenas mil foram premiados com medalhas de ouro, prata e bronze.

Duas Etecs de Franca marcaram presença no campeonato. A unidade "Doutor Júlio Cardoso" participou com 120 alunos, e 12 levaram medalhas para a casa, sendo 10 de prata e 2 de bronze. Na "Professor Carmelino Correa Júnior", participaram 177 alunos e 3 ganharam a medalha de bronze e 16 conquistaram a menção honrosa. Ao todo, 31 medalhas.

Participaram da prova estudantes do terceiro ano do ensino fundamental até a terceira série do ensino médio. A competição reúne cerca de 6 milhões de competidores de mais de 95 países. O Brasil teve o maior número de participantes, sendo mais de 1 milhão de estudantes de 6 mil escolas públicas e particulares.

As unidades de ensino realizarão a premiação dos alunos em julho, seguindo o calendário escolar.

Fale com o GCN/Sampi!
Tem alguma sugestão de pauta ou quer apontar uma correção?
Clique aqui e fale com nossos repórteres.

Comentários

1 Comentários

  • Tiago 23/06/2024
    O país precisa mais competição de ciências. Isso estimula os alunos e a competição entre si motiva o aprofundamento em determinadas áreas de interesse de cada um. Mais competições de Matemática, Astronomia, Programação, Xadrez e Robótica por favor. E menos Futebol , música lixo e artes sem sentido.