BALANÇO

Mulher de 24 anos morre por dengue; óbitos chegam a 30

Por Thiago Rovêdo | Especial para Sampi Campinas
| Tempo de leitura: 2 min
Divulgação
Campinas tem mais de 95 mil casos
Campinas tem mais de 95 mil casos

A Secretaria de Saúde de Campinas confirmou na tarde desta quinta-feira, 23, mais sete mortes por dengue na cidade. Os óbitos foram entre 2 de abril e 4 de maio - uma das vítimas é uma mulher de 24 anos. Com isso, o número de vidas perdidas em virtude da doença chegou a 30 neste ano.

Clique aqui para fazer parte da comunidade do Portal Sampi Campinas no WhatsApp e receber notícias em primeira mão.

Desde 1º de janeiro foram confirmados 95.690 casos de dengue no Município. Assim como em todas as situações de casos registrados, medidas preconizadas foram desencadeadas nas regiões onde residiam as vítimas: controle de criadouros, busca ativa de pessoas sintomáticas e nebulização para combater o mosquito Aedes aegypti, vetor da doença.

Perfil das vítimas:

  • Sexo feminino, 24 anos, sem comorbidade. Atendida na rede pública e moradora da área de abrangência do CS Aeroporto. Ela teve início dos sintomas em 30 de abril e o óbito ocorreu em 4 de maio.
  • Sexo masculino, 86 anos, com comorbidades. Atendido na rede privada e morador da área de abrangência do CS 31 de Março. Ele teve início dos sintomas em 22 de março e o óbito ocorreu em 4 de abril.
  • Sexo masculino, 87 anos, com comorbidades. Atendido na rede privada e morador da área de abrangência do CS Taquaral. Ele teve início dos sintomas em 6 de abril e o óbito ocorreu no dia 15 do mesmo mês.
  • Sexo masculino, 75 anos, com comorbidades. Atendido na rede privada e morador da área de abrangência do CS Valença. Ele teve início dos sintomas em 2 de abril e o óbito ocorreu no dia 4 do mesmo mês.
  • Sexo masculino, 90 anos, com comorbidades. Atendido na rede pública e morador da área de abrangência do CS São Bernardo. Ele teve início dos sintomas em 29 de abril e o óbito ocorreu em 4 de maio.
  • Sexo masculino, 75 anos, com comorbidades. Atendido na rede privada e morador da área de abrangência do CS Vila Ipê. Ele teve início dos sintomas em 12 de abril e o óbito ocorreu no dia 22 do mesmo mês.
  • Sexo masculino, 84 anos, com comorbidades. Atendido na rede privada e morador da área de abrangência do CS Eulina. Ele teve início dos sintomas em 12 de março e o óbito ocorreu em 2 de abril.

Comentários

Comentários